SportsManaus
ESPORTE AMADOR

Adalberto Vale conquista bicampeonato de Basquete 3×3 no JEA’s

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações da Assessoria de Comunicação

Foto: Divulgação WFComunicação

As disputas do 41º Jogos Escolares do Amazonas (JEA’s) nas modalidades voleibol, futsal, luta olímpica, handebol, atletismo, badminton, tênis de mesa e xadrez movimentaram a Vila Olímpica de Manaus, situada no bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste, neste sábado (21/07). Além dessas modalidades, o futebol teve início no Estádio Carlos Zamith, bairro Coroado, zona leste, e o Basquete 3×3, que faz parte do JEA’s pelo segundo ano consecutivo, ocorreu no Ginásio Ninimberg Guerra, bairro São Jorge, Zona Oeste.

Na modalidade Basquete 3×3, a equipe do Centro Educacional Adalberto Vale (CEAV), que foi campeã no ano passado, sagrou-se bicampeã em cima do time da escola Estadual Armando Mendes, do município de Tefé (distante 643 quilômetros da capital). Segundo o técnico do CEAV, Bruno Parente, a conquista foi possível porque os jogadores já têm entrosamento e mantêm o nível técnico nos jogos.

– Este nosso elenco já joga há quatro anos juntos. Fomos campeões no ano passado com o mesmo conjunto e conseguimos levar o ouro hoje porque os meninos mantiveram o mesmo nível técnico e entrosamento de sempre. Os nossos adversários foram muito fortes, vieram com uma proposta de jogo bastante difícil, mas conseguimos o bicampeonato – comentou Bruno.

A equipe de Tefé mostrou que os municípios do interior têm capacidade de mostrar cada vez mais técnica e força nas modalidades do JEAs. De acordo com o professor do elenco, Renato Almeida, a conquista, que foi rodeada de dificuldades desde a saída do município até os duelos da equipe, foi uma prata com gosto de ouro.

– A equipe é vencedora. Faltou um pouco de sorte, um pouco de experiência, afinal, somos do interior e a nossa chegada aqui não foi fácil. Temos atletas que nunca saíram do município e levarmos a prata é, com certeza, com gosto de ouro. Esses meninos fazem parte de um projeto social onde alguns empresários nos ajudaram na aquisição das passagens, mas teve a ajuda dos pais na venda de rifa até a compra dos ingressos de todos. Eles deram o seu melhor, eles são de ouro e estamos bem felizes com a conquista – destacou Renato.

De acordo com o coordenador-geral do JEA’s, Egídio Pinto, o basquete 3×3 cresceu muito neste segundo ano e isso é reflexo do trabalho dos professores. “É o segundo ano desta modalidade, o que é um resultado de trabalho com afinco e dedicação dos professores que estão à frente de suas equipes. Ano passado foi uma experiência que deu certo, e estamos realizando hoje com número expressivo de equipes e com um destaque para o interior, onde a equipe de Tefé, que está pela primeira vez participando, já chegou às finais. Estão todos de parabéns. Meu muito obrigado aos secretários da Sejel e Seduc que estão dispondo todo o apoio para a competição”, frisou o coordenador.

Outras postagens...

Com inscrições abertas, Iranduba Cup vai movimentar equipes da capital e interior do Amazonas

Paulo Rogério

Scheidt quer estar pronto para brigar entre melhores em Tóquio

Paulo Rogério

Rio de Janeiro recebe principal evento de base da vela nacional

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol