SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Além do cuidado com Caxias-RS, técnico do Manaus admite preocupação com arbitragem na Série D

O Manaus vai enfrentar o Caxias-RS no último mata-mata do Brasileiro da Série D e valendo vaga para Série C de 2020. A definição do adversário, veio após o fechamento das oitavas de final, nesta segunda-feira, 8/7. Com os resultados de Floresta-CE diante do Bragantino-PA por 3 a 1, mas principalmente do Brusque-SC em cima do Boa Vista por 3 a 0, o Gavião do Norte encara o Falcão Grená, em dois jogos de ida e volta. A CBF deve anunciar a tabela das quartas de final, nesta terça-feira, 9/7.

Ciente do adversário no jogo do acesso, o treinador Welington Fajardo, além da preocupação com Caxias, admitiu ao SportsManaus, que a arbitragem é um fator que merece toda atenção, muito mais do que a alta temperatura da cidade, devido os fatos ocorridos nos últimos jogos do Manaus.

– Tem muita coisa que externamente influencia, mas por exemplo, a arbitragem influencia mais do qualquer tipo de temperatura. Nós temos que nos cerca de todos os aspectos, principalmente nesse aspecto da arbitragem, sendo talvez o fator mais decisivo do que qualquer outra coisa, inclusive da temperatura – disse, mas ainda citou.

– Sempre achei que um fator preponderante para se ganhar um jogo, principalmente é jogar futebol. Pode ser na neve, frio ou calor você tem que estar com a equipe bem, no dia bom e fazendo todas as funções – finalizou Fajardo.

Com a melhor campanha na Série D, com 23 pontos, o Manaus joga a primeira partida na casa do Caxias e decide a vaga do acesso na Arena da Amazônia. Para ele, mais uma vez o primeiro compromisso diante do time gaúcho, pode definir muita coisa na competição.

– A expectativa é fazer dois bons jogos, tanto no primeiro quanto na segunda partida. Nós sabemos que o primeiro jogo é muito importante, normalmente é o que decide a vaga. Vamos com muita força para essa partida com Caxias e sair de lá com bom resultado e trazer a decisão para dentro da nossa casa com chances de subir – afirmou, mas confessou que já tem algumas informações do time gaúcho.

– A gente estava monitorando o Bragantino, Jazueirense, Floresta e o Caxias. É lógico que vamos manter o foco apenas no Caxias, claro que temos todas as informações, mas com mais detalhes vamos trabalhar no decorrer da semana, até porque a partida acabou agora a noite (segunda-feira) – contou.

Outras postagens...

Paulo Morgado assume Fast pela quinta vez, e diz que a meta é garantir calendário para 2020

Paulo Rogério

Princesa vence Penarol e assume o segundo lugar no returno do Amazonense

Paulo Rogério

”Tudo é possível no futebol”, define técnico do JC sobre o jogo com Manaus, pelas quartas do estadual

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol