SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Apático, Manaus empata com Rio Branco-AC pela segunda fase da Copa Verde

Para quem viu os jogos do Manaus na Copa do Brasil e na primeira fase pela Copa Verde, ficou decepcionado e preocupado com a atuação da equipe no empate com Rio Branco-AC em 1 a 1. A partida válida segunda fase da Copa Verde, foi realizado na noite desta quarta-feira, 7/3, na Arena da Amazônia. O jogo decisivo será no dia 18 de março, na Arena da Floresta, na capital acreana. Os dois gols foram marcados no segundo tempo. O Gavião do Norte saiu na frente com Hamilton e Matheus Moraes empatou para o Estrelão.

Na primeira fase, o Manaus conseguiu o feito de eliminar o Clube do Remo-PA e além disso quebrar um tabu que perdurava desde início da competição sem ter um time amazonense sem ainda ter vencido um paraense.

Para o treinador do Manaus, Igor Cearense, o resultado poderia ter sido diferente, mas com dois tempos de jogos distintos e ainda uma expulsão, o resultado não poderia ser diferente.

Igor Cearense gostou mais da atuação da equipe no segundo tempo (crédito: Paulo Rogério)

– Acho que a equipe do Rio Branco no início criou todos os contra-ataques. No segundo tempo, o Manaus jogou bem mais forte e criou todas as chances de gol. Acho que estamos no caminho certo, mas da forma que foi o segundo tempo, pois essa é a atitude do time. Infelizmente, éramos para ter saído com resultado positivo, mas tomamos um gol faltando praticamente cinco a seis minutos, e isso dói muito. O sistema foi montado para que pudesse suprir a ausência do jogador, no caso da expulsão, mas acabamos levando uma bola na diagonal e o gol.

Depois da saída do técnico, o preparador físico Jader de Andrade assumiu interinamente o comando do Rio Branco. Para ele, não poderia ser melhor vir a Manaus e sair com empate para decidir em casa a classificação.

– Nós tivemos várias chances na partida, é um resultado que considero bom para nós. Já falei muitas vezes na imprensa do Acre, ou seja, o clube tem uma parceria com a Universidade Federal do Acre, sou professor e desenvolvo várias projetos lá. Na saída do técnico me disponibilizei para ajudar nesse momento, mas depois a diretoria tem que ver como fica essa situação – disse.

Técnico interino do Estrelão afirmou que o resultado foi bom (crédito: Paulo Rogério)

Ficha técnica:  

Jogo: Manaus 1×1 Rio Branco-AC

Motivo: Copa Verde – Segunda fase / jogo de ida

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM

Horário: 20h30

Árbitro: Alinor Silva da Paixão (MT)

Árbitros assistentes: Renan Antônio Angelim Rodrigues e Adilson Rodrigo dos Santos (MT)

Manaus: Jonathan, Derlan, Paulão, Deurick, Zadda (He-Man), Panda, Juninho, Cleitinho (Wander), Hamilton, Rossini e Nena (Tiago Amazonense). Técnico: Igor Cearense

Rio Branco-AC: Vanderlei, Igor, Renan, Patrick, Adriano Chuva, Fábio Gomes, Welton (Evair), Joel (Matheus Andrade), Diogo (Elenilson), Matheus Silva e Matheus Moraes.  Técnico: Jader de Carvalho.

Outras postagens...

Com ‘chuvas de verão’, Manaus vence Paysandu e entra no G4 na Série C

Paulo Rogério

Fast deixa escapar a vitória e fica no empate com o Vilhenense-RO pela Série D

Paulo Rogério

Referência do Castanhal-PA, Willians Pitbull respeita Fast, mas aposta em nova vitória pela Série D

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol