SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Após 20 anos, João Carlos Cavalo volta a comandar o Nacional, mas pela primeira vez na Série D e diz: “Vou procurar fazer o melhor”

O treinador comandou o Rio Negro no estadual, sendo eliminado nas quartas de final pelo Manauara.

Foto: Lucas Araujo / Nacional FC

Anunciado nesta segunda-feira (10), como novo técnico do Nacional FC para o Campeonato Brasileiro da Série D, João Carlos Cavalo está de volta, após 20 anos de sua primeira passagem no clube. Sem perder tempo, ele comandou o treino do Leão da Vila Municipal, no período da tarde, no Centro de Treinamento (CT) Barbosa Filho, zona Leste da cidade. O Naça estreia em casa diante do Humaitá-AC, mas faltando ainda a divulgação da tabela pela CBF. O time está no grupo A1, junto com Águia Marabá-PA, Princesa-AM, São Francisco-AC, São Raimundo-RR, Trem-AP e Tuna Luso-PA.

Após duas décadas, quando assumiu pela primeira vez o Leão da Vila Municipal, o treinador disse que é um desafio na elite do futebol amazonense. Segundo ele, trabalho não vai faltar para que o time conquiste bons resultados na Série D.

– A expectativa é fazer o melhor. Nós aceitamos esse desafio sabendo da tradição, do peso da camisa, da torcida por trás da camisa, sendo um grande clube. Para mim, com certeza vai ser um prazer dirigir um clube tradicional de nosso estado. Vou procurar fazer o melhor, com certeza, onde a minha ideia é fazer um bom trabalho. Nós estamos recebendo um clube com atletas muito competitivo e com perfil de jogadores, que eu gosto. Venho acompanhando também isso, o que facilita – explicou ao SPORTS MANAUS.

Sobre o elenco, João disse que conhece muito bem todos os jogadores, pois comandou o Rio Negro no estadual e acompanhou alguns jogos do Naça. Para ele, o grupo precisa de reforços para fazer uma boa campanha na Série D.

– O fato de estar assumindo pela primeira vez o Nacional no Campeonato Brasileiro, é também por conhecer bem os adversários, a região, e principalmente o elenco do Nacional. Claro, que a gente pretende contratar de outras equipes, mas a gente está conversando. Vamos começar o trabalho, depois alinhar essas situações. Com certeza, a gente precisa dar uma reforçada em nossa equipe – salientou João.

 

Outras postagens...

Definidas as quartas do Brasileiro Feminino com São Paulo e Cruzeiro

Paulo Rogério

Pelo BR Feminino, técnico do Atlético-MG alerta sobre o Iranduba: “Não estamos classificados ainda”

Paulo Rogério

No primeiro jogo da final do BR Feminino A3, técnica do Mixto-MT afirma sobre o Remo: “Buscar a vitória fora de casa”

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...