SportsManaus
FUTEBOL FUTEBOL AMAZONENSE

Artilheiro nato, Jerinha é a referência do Rio Negro no Amazonense da Série B

Com passagem por vários clubes do futebol brasileiro, além do Iraque, Nicaragua, Bélgica e Espanha, o atacante Jefferson Araújo, o Jerinha, 31 anos, pode ser considerado como a maior referência do Atlético Rio Negro Clube, em busca do acesso a elite do futebol amazonense na próxima temporada. O Galo da Praça da Saudade vai disputar o Campeonato Amazonense da Série B, e estreia na segunda rodada, contra o Tarumã, no sábado, 25/9, às 15h30, no Estádio Ismael Benigno, a Colina, zona Oeste da cidade.

Ciente de que é um dos principais jogadores do elenco, Jerinha, não foge e assume a responsabilidade diante da tradição, que representa a camisa do time Barriga Preta no futebol local.

– Acredito que chega uma hora na nossa carreira, que temos de assumir um certo protagonismo. Se for para ser assim no Rio Negro, estou preparado. Espero poder ajudar a rapaziada, seja dentro de campo, seja ajudando em tudo, seja ajudando na comunicação, porque a gente veio para cá com o unico intuito que é deixar o Rio Negro na primjeira divisão – disse ao SPORTS MANAUS, mas ainda completou.

– Estou muito feliz, muito contente, independente do papel que possa exercer na equipe, a gente vem aqui para trabalhar muito sério, muito forte para poder subir o Rio Negro. O elenco não foi montado às pressas, foi selecionado a dedo, eu mesmo tive uma conversa desde de maio. Cada um que está aqui, foi escolhido da mesma maneira, ou seja, porque tem condições de colocar o time na primeira divisão – finalizou Jerinha.

Dados

Natural da cidade de Sorocaba-SP, Jefferson Araújo, 31 anos, iniciou na base do Santo André-SP, depois passou pelo Red Bull, São Bento, Treze-PB, Moto Club, Imperatriz, Taubaté, Uberaba, entre outros clubes. No futebol internacional, jogou no Al-shorta (Iraque), El Ejido (Espanha), Eupen (Bélgica) e Walter Ferretti (Nicarágua). Na passagem pelo futebol amazonense, jogou pelo Princesa do Solimões, sendo vice-campeão, e goleador do campeonato com nove gols, em 2016. Pelo Nacional, em 2017, também foi vice-campeão, artilheiro do time com sete gols. Em 2019, foi campeão com o Manaus, e artilheiro da equipe. Recentemente esteve no Penarol, na Série D, marcou três gols e passou ainda no Nacional Borbense.

 

Outras postagens...

Mesmo sendo dominado, Fast-AM vence São Raimundo-PA por 3 a 2 e lidera grupo A2 da Série D

Paulo Rogério

Em jogo da semifinal da Série D, Rádio Diário 95,7 FM realiza sua primeira transmissão esportiva

Paulo Rogério

Em jogo decisivo, Manaus encara Rio Branco-AC pela segunda fase da Copa Verde

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol