Botafogo perde para o Resende e está eliminado da Taça Guanabara

130

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações da Gazeta Press – Rio de Janeiro, RJ

Foto: Reprodução/Twitter oficial/BFR

O Botafogo mais uma vez não mostrou um bom futebol e foi derrotado por 1 a 0 pelo Resende, nesta quinta-feira, no Nilton Santos. Com o resultado, os alvinegros permanecem na lanterna do grupo C da Taça Guanabara, com apenas um ponto, e sem chances de classificação para as semifinais. Já a equipe do Sul Fluminense conquistou seu primeiro triunfo no primeiro turno do Campeonato Carioca e ainda sonha com as finais.

O Botafogo mais uma vez conviveu com a falta de criatividade no setor ofensivo. Mesmo tendo mais posse de bola que o Resende, pouco produziu no ataque. Os visitantes chegaram ao gol da vitória na etapa final com Maxwell, que aproveitou um contra-ataque.

Na última rodada da fase de classificação, o Botafogo enfrenta o Boavista, em Bacaxá. Já o Resende vai receber o Bangu, no Sul Fluminense.

O jogo – O Botafogo começou a partida tendo mais posse de bola que o Resende. No entanto, assim como nas rodadas anteriores, os alvinegros tinham dificuldade na criação de boas jogadas. Os donos da casa só criaram a primeira chance de gol aos 14 minutos. Após boa troca de passes, Erik passou para Luiz Fernando finalizar para grande defesa de Ranule.

O Resende acordou após o susto e passou a buscar ataque. Os visitantes responderam aos 17 minutos, em chute de longe de Léo Silva que obrigou Gatito Fernández a fazer a defesa em dois tempos. O Botafogo não diminuiu o ritmo e quase marcou dois minutos depois. Alan Santos foi lançado na área, mas foi desarmado pelo goleiro Ranule ao tenta o drible.

Depois da parada técnica, o Resende voltou melhor e quase abriu o placar. Maxwell recebeu passe na área e chutou na rede pelo lado de fora. O Botafogo voltou a ter dificuldade na parte ofensiva. Mesmo tendo espaço para avançar, os donos da casa não incomodavam o goleiro Ranule.

O Resende teve a melhor chance de abrir o placar aos 35 minutos. Em contra-ataque rápido, Arthur Faria chutou da entrada da área e acertou o travessão. O lance irritou a torcida presente no Nilton Santos, que passou a ficar impaciente. Para piorar, o Botafogo teve a oportunidade de empatar aos 41, quando Joseph recuou mal a bola, que ficou com Luiz Fernando. No entanto, o meia chutou muito mal. Assim, confronto permaneceu igual até o intervalo.

Assim como na etapa inicial, o Botafogo começou o segundo tempo sem muita criatividade no ataque. A primeira boa chance aconteceu somente aos 16 minutos, em chute de fora da área de Gustavo Ferrareis. O goleiro Ranule quase foi enganado pelo efeito da bola.

Os donos da casa voltaram a assustar após a parada técnica. Marcinho fez boa jogada individual e chutou sobre o travessão. O lance animou o Botafogo, que quase abriu o placar aos 24 minutos. Kieza aproveitou cruzamento na área e cabeceou para grade defesa de Ranule, que salvou o Resende com os pés.

Só que quem marcou foi o Resende, aos 25 minutos. Em contra-ataque rápido, Maxwell chutou da entrada da área, sem chance para Gatito Fernández.

O revés foi o estopim para que a torcida passasse de vez a protestar contra a equipe. O principal alvo dos torcedores era o lateral direito Marcinho, muito vaiado.

O Botafogo sentiu o gol e claramente ficou nervoso. Tanto que só conseguiu assustar novamente aos 35 minutos, em chute de longe de Gilson. O goleiro Ranule quase falhou, mas conseguiu se recuperar para fazer a defesa. O lance não animou a torcida, que passou a gritar “olé” em troca de passes do Resende.

Nos minutos finais, o Resende administrou o resultado e manteve a posse de bola no ataque. O Botafogo não teve força para reagir e viu sua chance de classificação na Taça Guanabara acabar com a derrota no Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 1 RESENDE

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 31 de janeiro de 2019, quinta-feira
Hora: 20h (de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruda
Assistentes: Carlos Henrique Cardoso de Souza e Wallace Muller Barros Santos
Renda: R$ 43.407,00
Público: 2.358 pagantes
Cartão amarelo: Valdeci (Resende)
GOL
RESENDE: Maxwell, aos 25min do segundo tempo

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Gilson; Jean (Wenderson), Alan Santos (Gustavo Ferrareis), Alex Santana (Leandro Carvalho) e Luiz Fernando; Kieza e Erik
Técnico: Zé Ricardo

RESENDE: Ranule, Filipi Souza, Rhayne, Lucão e Jeanderson; Joseph, Vitinho, Léo Silva e Arthur Faria (Zambi); Davi Ceará (Valdeci) e Maxwell (Dieguinho)
Técnico: Edson Souza



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.