SportsManaus
NOTÍCIAS

Chefe de arbitragem da CBF se esquiva de polêmica em jogo do São Paulo

Da redação do SportsManaus, com informações da GAZETA ESPORTIVA – São Paulo, SP

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Leonardo Gaciba optou por não comentar o polêmico lance entre Tiago Volpi, goleiro do São Paulo, e Felippe Cardoso, atacante do Ceará, durante o duelo do último domingo, vencido pelo Tricolor Paulista no Morumbi.

Na oportunidade, o são-paulino e o alvinegro se chocaram e o árbitro Gilberto Rodrigues Castro Júnior optou por não assinalar a falta, assim como o VAR, que endossou a decisão do juiz de campo e sequer pediu a revisão no recurso de vídeo.

Em participação durante um programa do SporTV, o chefe da arbitragem brasileira foi questionado sobre sua opinião em relação à jogada, mas preferiu se esquivar. “Não gostaria (de opinar) por uma questão de respeito aos meus profissionais”, disse.

Momentos depois, porém, Gaciba deu a entender que também marcaria a penalidade ao ser abordado mais uma vez sobre o assunto após todos os comentaristas dizerem que viram a infração no lance. “Eu respeito a opinião de vocês (risos)”, brincou o ex-árbitro.

Por fim, o homem forte da arbitragem nacional explicou o que se passou na cabine do VAR. “Não conversei com ninguém em relação a isso, mas eu escuto o que acontece dentro da cabine sempre porque é uma situação protocolar. Isso tem que ser checado, e foi, mas entenderam que esse contato não foi faltoso”, analisou.

Nesta segunda-feira, a Confederação Brasileira de Futebol apresentou um balanço da atuação do árbitro de vídeo (VAR) no Campeonato Brasileiro. Na ocasião, a entidade confirmou o acerto em 98% dos lances capitais revisados e divulgou uma novidade para o próximo semestre: os telespectadores terão acesso aos lances observados pelo árbitro nas transmissões no momento da revisão.

Outras postagens...

A decisão foi anunciada pelo diretor de futebol do clube, Alexandre Farias

Paulo Rogério

Em jogo fraco, Sérvia faz valer força da bola parada para vencer Costa Rica

Paulo Rogério

Novo regulamento da F1 entra em vigor já em 2020 no quesito segurança

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol