full screen background image

Com mudança de técnico e em crise, Nacional enfrenta Ponte Preta pela Copa do Brasil, na Arena da Amazônia

228

Mudança de treinador, último colocado no grupo A, com apenas dois pontos e seriamente ameaçado de ficar fora da fase final do primeiro turno do Campeonato Amazonense, em volta de uma grande crise, que o Nacional enfrenta a Ponte Preta, na primeira fase da Copa do Brasil. O jogo será realizado nesta terça-feira, 6/2, às 17h (19h de Brasília), na Arena da Amazônia. O vencedor pega na próxima fase o classificado do confronto entre Inter de Limeira-SP e Rio Branco-AC.

Com novo formato da Copa do Brasil, o visitante joga pelo empate e o mandante apenas se classifica se vencer. Além da motivação pela vaga, a outra é o repasse financeiro da CBF, ou seja, os clubes da primeira fase recebem o valor de R$ 500 mil. Se o clube passar para segunda fase, o valor será de R$ 600 mil. Já a terceira fase, a quantia é muito maior, o que poderia ajudar muito na questão financeira, sendo de R$ 1,4 milhão.

Sem saber o que é vencer no estadual, o Nacional é o último colocado do grupo A, com apenas dois pontos. Se não bastasse isso, o treinador Sinomar Naves, pediu demissão, logo após o empate com Rio Negro, no tradicional clássico Rio-Nal, no último sábado. Participando de um curso de treinadores em Manaus como palestrante, Arthur Bernardes foi convocado pela diretoria para retornar ao comando do Naça. Ele foi vice-campeão pelo clube ano passado.

Sobre o jogo com a Ponte Preta, ele considera muito difícil, ainda mais pela atual circunstância em que vive o clube nesse momento muito conturbado no Barezão. Para ele, vencer o time paulista será um grande feito.

– O futebol é muito em cima de emoção, nós podemos conseguir uma vitória, não é impossível. Penso que nós não estamos preparados, se acontecer vai ser realmente obra de Deus, porque o time não se preparou bem. Se comparar o momento no Campeonato Amazonense, em nove pontos disputados, conseguimos dois. Dentro de uma Copa do Brasil, que é outra competição, tendo um adversário difícil, a probabilidade de conseguir sucesso diminuiu, mas é futebol, ou seja, os jogadores estão motivados – disse ao SPORTSMANAUS.

De acordo com lateral esquerdo Rodrigo Ítalo, quando ele jogou pelo Nacional com a Ponte Preta em 2015, era outra situação. Agora, a equipe vive outro momento e o time paulista tem muita qualidade.

– Nós já estamos sabendo que eles vem com força máxima. Tenho acompanhado os últimos jogos da Ponte Preta, não vai ser um jogo fácil, apesar de terem colocado os medalhões de fora. A diretoria manteve um bom técnico, tem um bom nível, os jogadores que estão lá respeitamos muito, mas sabemos que temos a obrigação dentro de casa e com apoio da torcida de lutar pela vaga.

Treino

A Ponte Preta realizou um leve treino na tarde desta segunda-feira, 5/2, no Estádio Carlos Zamith, Zona Leste da cidade, sob o comando do treinador Eduardo Baptista. Um dos reforços do elenco é o volante Tiago Real, que veio do Coritiba. O jogador que ficou de fora do último jogo pelo Paulistão no empate com Ituano, disse que todo respeito é pouco, mesmo sabendo que o adversário não esteja em um bom momento na temporada.

– Joguei contra o Nacional pela Copa do Brasil, quando estava pelo Bahia em 2015. As duas campanhas das equipes nos estaduais são diferentes, pelo regulamento da competição, é apenas uma partida. Se no jogo não estivermos em um bom dia, se não respeitarmos o adversário podemos ser surpreendido. Isso se quebra totalmente da forma que é a competição, por isso, temos que ficar muito atentos para não cair numa cilada. Sabemos que eles estão passando por um momento difícil, mas é um jogo importantíssimo tanto para nós, quanto para eles.



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.