full screen background image

Com trabalho na base, técnico Denilson Alvarenga revela craques para o futebol chinês

161

Para realizar um trabalho de destaque no futebol é preciso competência e profissionalismo. Há onze meses no continente Asiático, o técnico piauiense Denilson Alvarenga, 30, superou a barreira geográfica e do idioma para atuar na formação de jovens talentos na escola Act Club Sports, na cidade de Guangzhou, na China.

Há nove anos atuando na área, o jovem treinador é formado em Máster de técnico de futebol profissional, pela Federação Paulista de Futebol (PFP) e no nível 3, pela Associação Brasileira de Treinadores de Futebol (ABTF). Indicado por um amigo treinador, que está no futebol chinês, Denilson, tem a responsabilidade de revelar futuros craques para o futebol no país, que conta com mais de 1,36 bilhão de habitantes, quase um quinto da população da Terra.  

Direto da China e com exclusividade ao PAULOREPORTER, o treinador, que trabalhou dez anos nas divisões de base de Brasília e Goiás, disse que a experiência adquirida nesse tempo é importante para conquistar resultados satisfatórios no outro lado do planeta. Ele fez questão de destacar a excelente estrutura oferecida pelos responsáveis da escolinha. 

dxxxx Treinador piauiense realiza um trabalho exemplar numa escolinha da China (crédito: divulgação)

– É algo muito importante para mim, porque estou contribuindo para o crescimento do futebol chinês. Atualmente, em nosso projeto existem dois centros de treinamentos, campos gramados e sintéticos, 80 bolas, materiais para treinamentos físicos, coletes de treino, uniformes de jogos, traves moveis (grandes e pequenas), ou seja, a estrutura é melhor do que em muitos clubes profissionais do Brasil.

Com uma boa experiência nas categorias básicas no futebol brasileiro, e agora com a garotada na China, ele fez um parâmetro entre os jovens do Brasil, que nascem praticamente com a bola nos pés e os meninos asiáticos, que buscam conhecimentos para colocar em prática em breve no cenário internacional.

– A diferença é que a garotada do Brasil respira futebol. Na maioria das vezes colocando como prioridade em suas vidas, sempre na esperança de se tornar um jogador de futebol profissional. Enquanto, a garotada chinesa a maioria vê o futebol como um esporte bom de se jogar, mas sempre dando prioridade aos estudos. Existem muitos garotos chineses que sabem jogar futebol, mas falta o trabalho de base, ou seja, treinamentos específicos para o aperfeiçoamento físico, técnico, tático (depende da categoria) e a pratica do jogo coletivo – explicou.  

Conversa com um dos responsáveis da escolinha sobre o trabalho com a garotada (crédito; divulgação)

Segundo Denilson, ha uma diferença pontual na parte administrativa dos responsáveis da escolinha na China, em relação as existentes no futebol brasileiro. A diferença é conseguir resultados imediatos e não a longo prazo, por isso, a meta é alcançar bons resultados num curto espaço de tempo.

– A visão deles no momento é ganhar dinheiro. Porque, a escolinha tem um retorno imediato, ou seja, o pai faz a matricula do garoto e já paga meio ano adiantado. Assim, para os chineses é melhor. Se eles fossem trabalhar com formação de atletas (revelar jogadores) eles teriam que investir, com isso, o retorno seria mais demorado. Assim eles pensam no momento. O grande investimento é no futebol profissional com contratações milionárias de jogadores estrangeiros – concluiu.

Com seu trabalho na formação de jovens talentos chineses, Denilson Alvarenga, acompanha de perto a evolução e massificação desenvolvido pelos clubes e federação para tornar a Chinese Super League (CSL), uma das mais populares no futebol asiático e quem sabe até mundial. De acordo com ele, a comunidade futebolística internacional em pouco tempo vai se interessar mais ainda pelo campeonato chinês.

Denilson do outro lado do mundo ensina os primeiros passos do futebol para jovens chineses (crédito: divulgação)

– Eu acredito que a China vai ser umas das potências mundiais do futebol no futuro. Se a China passar a investir nas categorias de base esse crescimento vai acontecer bem mais rápido. No momento, estamos na formação das categorias básicas. Os responsáveis pensam em disputar campeonatos na cidade.

Em sua formação de treinador, Denilson Alvarenga fez questão de lembrar as aulas ministradas pelo atual treinador da Seleção Brasileira, Tite e da Seleção Brasileira Feminina, Vadão. Sem contar a experiência na área com Waldemar Lemos, irmão do técnico Osvaldo de Oliveira, entre outros profissionais do futebol.

Para manter contato com treinador Denilson Alvarenga, no futebol chinês, ele atende pelos números +86 15217152659 ou +86 06136271285 (watsapp).

Dados

Denilson da Costa Alvarenga, 30, nasceu na cidade de São José do Peixe (PI). Ele possui o Curso Máster de Técnico de Futebol Profissional, pela Federação Paulista de Futebol (FPF), em 2011. Na oportunidade teve aulas ministradas pelo treinador da Seleção Brasileira de Futebol, Tite, e da Seleção Brasileira de Futebol Feminino, Vadão, além disso, fez o Curso de Treinador de Futebol Profissional nível 3, pela Associação Brasileira de Treinadores de Futebol (ABTF).

No futebol de base, Denilson, conquistou pelo Revelação FC, a Copa Jardim Inga sub-13, em 2011. Na categoria sub-17, com Revelação conquistou “A Copa Cidade Ocidental”. Pela Copa Santa Maria (DF), foi campeão no sub-13, com a equipe Santense, em 2013, entre outros torneios que conquistou.

Treinador brasileiro observa os detalhes para iniciar o treino (crédito: divulgação)



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.