“É um jogo que não tem favorito”, disse técnico do Goiás sobre partida com Fast pela Copa do Brasil

587

Foto: Rosiron Rodrigues / GEC

Vice-campeão em 1990 quando perdeu o título para o Flamengo, o Goiás quer realizar a mesma campanha e vai brigar pelo título da Copa do Brasil. O primeiro desafio da equipe Esmeraldino, será contra o Fast Clube, nesta quarta-feira, 5/2, às 21h30 (22h30 de Brasília), na Arena da Amazônia. A equipe vem de um empate no clássico com Vila Nova em 1 a 1, no domingo, pelo Campeonato Goiano, ocupando a terceira colocação na tabela, com oito pontos.  

De acordo com técnico Ney Franco, apesar do Fast jogar em casa e com apoio de sua torcida e o Goiás, uma equipe da elite do futebol brasileiro, colocam as duas equipes em condições iguais de ambos os lados.

– Acho que primeiramente é um jogo que não tem favorito. Logicamente, a pressão é de fora. Quem não acompanha muito o trabalho do Goiás e do Fast, quando ver um confronto como esse, a maioria das pessoas colocam o Goiás como favorito, por ser uma equipe que disputa a Série A. Nós que trabalhamos no futebol há muito tempo, sabe que não funciona dessa forma. Na nossa preparação primeiramente é ter muito respeito ao adversário. A gente tem a consciência que vai ter que jogar muito para conseguir a classificação – concluiu Ney.

Com duas vitórias e dois empates, o comandante do Goiás, disse que aproveitou o estadual para preparar equipe para Copa do Brasil. Segundo ele, foram importantes os jogos, pois no início de temporada é fundamental ajustar o time.

Treinador do time Esmeraldino disse que vai usar a força máxima com Fast (Foto: Rosiron Rodrigues / GEC)

– Nós usamos os quatro jogos do goiano como preparação, fazendo parte de uma pré-temporada. A gente avalia que esse jogo contra o Fast, sendo realmente aquele primeiro da temporada que vamos entrar com a base física boa com alguns entendimentos táticos da equipe, com alguns jogadores que já foram testados, além de jogadores novos que chegaram contratados e atletas novos que foram promovidos da base para principal. A gente já tem um conhecimento maior da nossa equipe, sendo um time também mais homogêneo – concluiu.

Além do Campeonato Goiano e a Copa do Brasil, o Goiás ainda terá pela frente a Copa Sul-Americana, em dois confrontos esse mês com Sol de América, do Paraguai. Para Ney Franco, mesmo respeitando o Fast, a meta é superar o adversário para dar sequência nas próximas competições.

– É importantíssimo para gente, são duas competições diferentes, pois paralelamente estamos disputando o regional e dentro dessas três competições, logo no início da temporada, temos que nos preparar. A competição estadual é mais longa, a gente pode dar o luxo de preservar um ou outro jogador e fazer experiências, mas em jogo único como esse com Fast, bem como, os dois confrontos com o Sol de América, temos que usar a força máxima – justificou, mas afirmou que já tem conhecimento do seu adversário.

– Sem dúvida, a gente vai usar ou estamos usando todo os meios possíveis para adquirir ou para pegar informações da internet, da gravação de jogos e também profissionais que estarão em loco vendo os jogos. Com certeza, é um jogo que estamos muito preparados nesse sentido de estudo do adversário. A gente chega para esse jogo com o Fast muito bem mapeado com uma equipe que teve mudanças significativas agora nos últimos jogos – destacou Ney Franco.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.