full screen background image

Em jogo tenso, Nacional vence de virada o Manaus FC na estreia do Amazonense

321

Parecia uma final de competição e não uma estreia, mas Nacional e Manaus FC jogaram como fosse a última vez, com jogadas violentas e viril. No final, o Naça venceu de virada o Gavião do Norte por 2 a 1, na noite de sábado (18), no Estádio Carlos Zamith, zona Leste da cidade. Os gols do Nacional foram marcados por Jeferson Araújo e Alexsandro, enquanto Binho assinalou para o Manaus.

Na próxima rodada, o Nacional encara o Holanda, que perdeu para o Princesa na estreia por 1 a 0, na terça-feira, 21, às 21h (22h de Brasília), no Estádio da Colina. O Manaus vai tentar sua primeira vitória diante do Rio Negro, líder do Estadual. O jogo será o primeiro da rodada dupla na Colina, com início às 19h (20h de Brasília).

Segundo disse ao SPORTS MANAUS, o treinador do Nacional, Arthur Bernardes, não aceita no futebol atitudes violentas que podem machucar outro jogador em campo. Para ele, o clima tenso foi devido e estreia e vontade de vencer de todos.

Treinador do Nacional disse que no intervalo pediu calma aos seus jogadores (crédito: Paulo Rogério)

– Todo mundo quer um ganhar do outro. Se você não controlar o grupo, acaba virando briga, e pode comprometer o espetáculo. Se é bom ou não é, isso não importa, mas temos que fazer as coisas racionalmente, porque isso é esporte e não briga e muito menos MMA – ponderou.

Com gol na cobrança de pênalti, o atacante Jeferson Araújo abriu o caminho da vitória azulina. Para o jogador, pelo fato do péssimo desempenho ano passado do Nacional nas competições, ainda tem reflexo no grupo desse ano, pois admite uma pressão por bons resultados.

– O Nacional está com uma pressão muito grande, mas não foi a gente que colocou, infelizmente a maioria dos atletas não estavam ano passado. Não é pressão de ninguém, mas do que nós sentimos de jogar num grande clube, que é o Nacional. O clube é muito grande para disputar apenas o Campeonato Amazonense.

Igor Cearense afirmou que precisa trabalhar a “cabeça” do grupo para não perder o controle em campo (crédito: Paulo Rogério)

Duvidoso no lance que originou o gol do empate do adversário, mas principalmente preocupado com a parte disciplinar dos jogadores, na qual teve o atacante Binho expulso, o treinador Igor Cearense, confessou que vai tralhar muito isso para não perder atletas no campeonato, como ocorreu ano passado para o Manaus.

– Reclamar da arbitragem, depois que apitou não tem jeito, tem que manter a tranquilidade. Nós treinamos dessa forma, ou seja, sempre com um jogador a menos. Ano passado, todos os jogos nós perdíamos um atleta, mas estamos trabalhando a mente dos atletas para ter um pouco de calma. Sobre a arbitragem, deixo para diretoria resolver.

Jogador do Nacional (Nacional) com a mão no rosto do atleta do Manaus (crédito: Paulo Rogério)

Ficha técnica:

Jogo:  Nacional 2×1 Manaus FC

Motivo: Campeonato Amazonense da Série A  – 1ª rodada

Local: Estádio Carlos Zamith – Manaus/AM

Horário: 19h (20h de Brasília)

Árbitro: Antônio Carlos Pequeno Frutuoso

Árbitros assistentes: Eliane Nogueira dos Santos e João Batista Cunha de Brito

Público pagante: 504

Renda: R$ 6.610,00

Advertências: Iuri, Jeferson Araújo, Jeferson Telles, Alexsandro e Tiago Bastos (Nacional) e Juninho, Ediglê e Binho (Manaus FC)

Expulsão: Binho (Manaus FC)

Gols: Binho 21 1ºt (Manaus) e Jeferson Araújo 32 1ºt e Alexsandro 10 2ºt (Nacional)

Nacional: Erick Rocha, Tiago Bastos, Vagner, Jeferson Siqueira, Jeferson Telles (Peter), Alan Bahia, Iuri, Alexsandro (Jack Chan), Romário (Diego  Soares), Jeferson Araújo e Juninho Bolt. Técnico: Arthur Bernardes.

Manaus FC: Jonathan, Atila, Ediglê, Deurick, Matheus Iton, Juninho, Igor, Tiago Amazonense, Neto (Purá), Binho e Adrianinho (Hamilton). Técnico: Igor Cearense.



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.