full screen background image

Jogaço: Nacional goleia Altos-PI, não se classifica e técnico Lecheva reclama de problemas com alguns jogadores nos bastidores

277

Parecia impossível, mas com uma grande atuação em todos os setores e jogando ofensivamente todo jogo, o Nacional goleou o Altos-PI por 4 a 2, no jogo de volta, pela 2ª fase do Brasileiro da Série D, mas não garantiu sua vaga na próxima fase da competição. O Naça precisava marcar pelos menos três gols de diferença para definir nas penalidades, pois perdeu na primeira partida por 3 a 0. O jogo foi realizado na tarde deste domingo, 10/6, no Estádio Ismael Benigno, a Colina, Zona Oeste da cidade.

Passando por vários problemas e assumindo o clube em meio a uma crise financeira, o treinador Lecheva, disse que o Nacional perdeu sua classificação no placar do primeiro jogo, mas aproveitou para acusar falta de comprometimento de alguns jogadores, sem citar nomes.

– Nós sabemos que o jogo de ida foi o que definiu o placar, principalmente pelos fatos que aconteceram não somente na semana passada, mas essa semana que me deixaram bastante chateado. Eu estou relutando para não expor esses problemas, mas prefiro digerir primeiro essa desclassificação, mas o que me dói é que poderíamos ter ido mais longe – lamentou.

Lecheva disse que fez seu trabalho, mas foi prejudicado por alguns jogadores (crédito: Paulo Rogério)

Com dois gols, o meia Fininho lamentou o resultado final, mas disse que os problemas que o elenco passou durante a competição, principalmente as vésperas do jogo decisivo de alguns jogadores também prejudicou.

– Nós já vínhamos de três a zero, é muito difícil e entramos pressionado. Por falta de atenção levamos um gol com um minuto de jogo, isso prejudicou muito, abalou emocionalmente a equipe. Tivemos a competência de buscar, conseguimos fazer os gols, quando estava 3 a 1 poderíamos ter um pouco mais de paciência para administrar mais jogo. Teve algumas situações de alguns jogadores, mas isso é coisa para diretoria resolver. Eu sempre fui responsável com meus compromissos, pois tenho família e sou profissional – disse.

Jogo

Com pouco mais de um minuto, para quem precisa fazer o placar, o Nacional sofreu um gol inesperado. Tiro de canto pela direita por Tote e Vítor Bafana aproveitou na grande área e fez, 1 a 0.

Depois de sofrer o gol, o Nacional foi em busca do empate. Aos 13 minutos, Charles tentou a jogada e foi derrubado. Na cobrança, Sousa com categoria colocou no ângulo esquerdo do goleiro e empatou, 1 a 1.

O segundo gol marcado pelo Altos tirou qualquer chance do Naça em campo (crédito: Paulo Rogério)

Aos 25 minutos, o Naça ataca pela direita com Jack Chan, que toca para Anderson chutar, o goleiro defende e na volta quase o Naça marcou.

Aos 28 minutos, jogada na grande área do atacante Manoel, que foi derrubado e o árbitro marcou pênalti. O próprio jogador bateu, mas o goleiro do Naça defendeu.

No segundo tempo, o técnico Lecheva colocou o atacante Danilo Galvão. Com menos de dois minutos, pela direita Anderson chuta, o goleiro defende e na sobra Danilo Galvão na pequena área marca o segundo, 2 a 1.

Aos 11 minutos, pela direita Danilo Galvão ganha a bola do zagueiro e chuta cruzado com perigo no canto esquerdo do goleiro.

Jogadores do Nacional sofreram dura marcação em campo (crédito: Paulo Rogério)

O Nacional continuava no ataque e pressionado. Aos 13 minutos, Charles sofreu falta na meia esquerda da grande área. Com perfeição, Fininho cobra no ângulo esquerdo e incendeia o jogo, 3 a 1.

Quando tudo parecia que o Nacional marcaria mais um gol, o Altos no contra-ataque marcou o segundo. Aos 23 minutos, Américo saiu rápido e tocou para Marconi pela esquerda avançar em velocidade e tocar na saída do goleiro, 3 a 2.

Aos 32 minutos, pela direita Jack Chan avança e chuta forte sem ângulo, mas o goleiro defende solta e defende de novo. Aos 48 minutos, depois de uma bola na grande área, a bola sobra para Fininho fazer, 4 a 2.

Ficha técnica:

Jogo: Nacional x Altos-PI

Motivo: Campeonato Brasileiro da Serie D / 2 fase /jogo de volta

Local: Estádio Ismael Benigno, a Colina

Horário: 16h

Renda: R$ 5.360,00

Público pagante: 1.152

Árbitro: Lucas Paulo Torezin

Árbitros Assistentes: André Luiz Severo (PR)e Heitor Alex Eurico

Nacional: Paulo Wanzeler, Anderson, Guigui, Zé Antônio, Sousa, Denis Pedra (Jailton), Pelezinho, Lucas (Danilo Galvão), Fininho, Jack Chan (Alisson) e Charles.  Técnico: Lecheva.

Altos-PI: Gideão, Tote, Vítor Bafana, Alisson, Thiaguinho, Marconi, Tavares, Dos Santos, Douglas (Vagner), Manoel (Américo) e Klenisson. Técnico: Oliveira Canindé.



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.