Site www.sportsmanaus.com.br full screen background image

Kane brilha, Inglaterra se salva no fim e vence estreia diante da Tunísia

151

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações da GAZETA ESPORTIVA

Foto: Divulgação/FIFA

A seleção inglesa estreou com muita emoção na Copa do Mundo. Nesta segunda-feira, em Volgogrado, a equipe comandada por Gareth Southgate jogou mal, mas arrancou uma vitória nos minutos finais diante da Tunísia, por 2 a 1, com Harry Kane saindo-se como herói do confronto.

Apesar de um primeiro tempo de intensa movimentação ofensiva e chances claras de gol, a Inglaterra não conseguiu corresponder na etapa final, “sentiu” o peso da estreia e não marcou o gol da vitória até os acréscimos. Foi aí que a estrela do atacante do Tottenham brilhou para cima dos africanos, que anotaram gol de pênalti com Sassi.

Na rodada seguinte, a Inglaterra encara o Panamá às 09h00 (horário de Brasília) do próximo domingo, em Nizhny Novgorod. Já a Tunísia enfrenta a Bélgica, que fez 3 a 0 na equipe da América Central, às 09h00 do dia anterior, em Spartak.

O jogo – A primeira grande chance da partida veio aos dois minutos. Dele Alli tentou cruzamento, a zaga africana fez o corte e, no rebote, Lingard chutou forte, no contrapé do goleiro. Entretanto, ainda assim, Hassen conseguiu fazer a defesa e evitou o primeiro gol inglês no duelo.

A pressão europeia no confronto continuou. Pouco depois, os Três Leões fizeram linda jogada trabalhada. O camisa 10 da equipe alçou Sterling, que fez lindo passe para Lingard na lateral do campo. O jogador do Manchester United cruzou para a área e Sterling, livre e de frente para o gol, não conseguiu fazer o domínio e deixou a bola ir para fora.

Aos 10 minutos, a pressão inglesa deu resultado. Young cobrou escanteio com perfeição, Stones deu testada forte para o gol e Hassen fez incrível defesa. No rebote, Kane mostrou seu faro de artilheiro e, na hora certa e no lugar certo, só teve o trabalho de completar para as redes vazias. Pouco depois do gol, o arqueiro da Tunísia teve que ser substituído por lesão.

Na marca de 32 minutos, Walker fez pênalti bobo ao deixar o braço na cara de Ben Youssef, em bola fora do alcance do atacante. Na cobrança, Sassi bateu bem, no canto direito. Pickford chegou a encostar na bola, mas não conseguiu evitar o tento: 1 a 1.

Depois do gol rival, a Inglaterra, que havia relaxado no confronto, voltou a oferecer perigo. Após escanteio, Dele Alli cabeceou, a bola resvalou no travessão antes de ser tirada por Ben Youssef e, na sequência, Sterling furou. Pouco depois, Lingard arrancou em velocidade, tocou na saída do goleiro Ben Mustapha e também carimbou a trave.

O início do segundo tempo de partida foi sonolento. Enquanto a Tunísia parecia feliz com o resultado, a Inglaterra esbarrava em sua ineficiência ofensiva no duelo. que evitava a seleção de marcar gols e sair com a prevista vitória na estreia.

Já nos acréscimos da segunda etapa, brilhou a estrela de Harry Kane. Após cruzamento de escanteio, o atacante do Tottenham não desperdiçou a sobra, testou firme para o fundo das redes e decretou a vitória sofrida dos ingleses na estreia da Copa do Mundo.

FICHA TÉCNICA
TUNÍSIA 1 x 2 INGLATERRA

Local: Volgograd Arena, em Volgogrado (Rússia)
Data: 18 de junho de 2018, segunda-feira
Horário: 15h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)
Assistentes: Alexander Guzmán (Colômbia) e Cristian de la Cruz (Colômbia)

Cartão amarelo: Kyle Walker (Inglaterra)
Gols: 
Ferjani Sassi, aos 34 minutos do 1º T (Tunísia); Harry Kane, aos 10 minutos do 1º T e aos 46 minutos do 2º T (Inglaterra)

TUNÍSIA: Hassen (Ben Mustapha); Yassine Meriah, Syam Ben Youssef, Bronn e Ali Maaloul; Skhiri, Ferjani Sassi e Anice Badri; Naim Sliti (Ben Amor), Fakhreddine Ben Youssef e Wahbi Khazri (Khalifa)
Técnico: Nabil Maaloul

INGLATERRA: Jordan Pickford; John Stones, Kyle Walker e Maguire; Kieran Trippier, Ashley Young, Jordan Henderson, Dele Alli (Loftus-Cheek) e Jesse Lingard (Eric Dier); Raheem Sterling (Marcus Rashford) e Harry Kane
Técnico: Gareth Southgate



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.