full screen background image

Nacional e Tarumã empatam sem gols, mas com objetivos diferentes na temporada

95

Sem gols durante 70 minutos do jogo-treino, entre Nacional e Tarumã, deixou claro a falta de entrosamento das duas equipes, que estão iniciando a pré-temporada para seus compromissos na temporada desse ano, que começa no final de janeiro. A partida aconteceu na tarde deste sábado, 14, no Centro de Treinamento (CT) Barbosa Filho, zona Leste da cidade, local de treinos do Naça.

Completados 104 anos nesta sexta-feira, o Leão da Vila Municipal, se prepara para partida de ida da pré-Copa Verde, com Galvez (AC), no dia 29 próximo, em Rio Branco. Já o Lobo do Norte, inicia sua caminhada na Série B do Amazonense, com Penarol, no dia 28 de janeiro, em Itacoatiara (a 176 quilômetros da cidade).

De acordo com técnico do Nacional, Aderbal Lana, foi o primeiro contato dos jogadores com bola, e diante de uma equipe que vai disputar uma competição oficial. Para ele, o desempenho não foi bom, mas nesse momento não pode exigir dos jogadores no começo do trabalho na temporada.

Lana destaca a falta de entrosamento do elenco azulino (crédito: Paulo Rogério)

– Não é muito boa minha avaliação, mas evidentemente, eu também não posso falar que foi ruim, porque não treinamos nada coletivamente, pois temos uns quatro dias de treinos. Nós fizemos o jogo para analisar a característica de cada jogador e para fazer uma somatória no geral. Vamos ver no decorrer desses dez dias, o que temos antes do primeiro jogo e depois o que podemos melhorar – disse.

O zagueiro Vitor, que veio do Boa Vista (RJ), apesar do pouco tempo de treino, disse que a equipe foi até bem, mesmo sem qualquer entrosamento. Para ele, os jogadores se deram ao máximo para realizar uma boa atuação em campo.

–  Foi mais na raça mesmo, porque temos uma semana de trabalho. O grupo está se conhecendo agora, não tem muita coisa na parte tática, mas nós fizemos um bom jogo e conseguimos impor nosso ritmo de jogo. Infelizmente, não fizemos o gol, mas vamos continuar nessa semana o trabalho para o grupo se encaixar, se conhecer e tudo dar certo no campeonato.

Juventude

Treinador do Tarumã diz que sua equipe é muito jovem (crédito: Paulo Rogério)

Com uma base muito jovem, o Tarumã teve pela frente um grande teste para garotada. A equipe vai disputar a Segundona do Amazonense, no final de janeiro, com a participação de quatro equipes. Ainda procurando uma melhor formação, e com um grupo sem muita experiência, o treinador Fernando Lage, comentou sobre o resultado.

– Temos que trabalhar muito a saída para o ataque, porque eles tem que ser bem forte nessa saída. Comecei a semana com 44 jogadores, estou 32, mas ainda vou ficar com menos para meu grupo de trabalho. Comecei o jogo com jogadores de 18, 19 e até 17 anos, porque precisava saber quais atletas poderiam dar garantia do comportamento em campo. É diferente jogar no juniores e no profissional, mas se eles estão aqui tem valor, sem tem esse valor, não podem ficar muito preocupados.

O lateral direito, Wendrey, 19, que iniciou na base do Tarumã, passando pelo Manaus e até jogou o profissional pelo Náutico (RR) ano passado, mesmo sem ter movimentado o marcador, gostou da atuação da equipe.

Jogadores disputam a bola na pequena área azulina (crédito: Paulo Rogério)

– Foi uma experiência e tanto jogar com Nacional. Gostei muito do jogo, onde me posicionei direitinho dentro de campo, conforme o treinador pediu. A equipe deles é muito experiente, se movimentou bastante, mas nós conseguimos equilibrar a partida. Vamos ter essa mescla de experiência com juventude. Nós que somos mais novos, vamos aprender com os outros mais rodados da equipe – comentou.

Ficha técnica:

Jogo:  Nacional 0x0 Tarumã

Motivo: Jogo-treino

Local: Centro de Treinamento (CT) Barbosa Filho – Manaus/AM

Horário: 16h (18h de Brasília)

Nacional: Pablo, Thiago, Vitor, Cristiano (Wagner), Jeferson Teles (Jeferson), Iuri, Bruno Potiguar (Diego Soares), Romarinho (Jack Chan), Juninho Bolt, Branco e Alexsandro. Técnico: Aderbal Lana.

Tarumã: Ercik (Henrique), Wanderlei (Jorginho), Luan (Maquiné), Dedimar, Carlos Henrique (Kalil), Robson, João Victro (Emiliano), Maranhão (Luciano), Elson Bala (Elivelton), Caniggia (Neto) e Erick Bezentino (Juninho). Técnico: Fernando Lage.

 



EDITOR - Paulo Rogério Veiga, comunicador esportivo, repórter, radialista e agente business de jogadores e treinadores. Contato 55+ (92) 99171-9226 vivo/watsap / 55+ (92) 98193-1304 tim/watsap. Email: pauloreporter@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Leia mais em sobre o editor clicando aqui.