SportsManaus
NOTÍCIAS

Nas alturas! Gabigol resolve e Fla estreia com vitória na Libertadores

Da redação do Sports Manaus, com informações do LANCE – David Nascimento – Rio de Janeiro (RJ)

Rubro-Negro derrotou por 1 a 0 o San José, em Oruro, na Bolívia, em plena altitude – jogo ocorreu a 3.700 metros acima do nível do mar. Partida aconteceu na noite desta terça-feira

Foto: Alexandre Vidal/CRF

Na altitude de 3.700 metros, em Oruro, na Bolívia, o Flamengo superou o obstáculo da altitude e venceu o San José por 1 a 0, na noite desta terça-feira, pela estreia na Conmebol Libertadores. O responsável por dar a vitória ao Rubro-Negro por Gabigol, que conseguiu fazer o gol após passe de Bruno Henrique. O goleiro Diego Alves ficou com uma menção honrosa pelo desempenho ímpar acima do nível do mar, com muitas defesas importantes que evitaram os gols dos bolivianos.

Com o resultado, o Flamengo chegou aos três pontos – na liderança do Grupo D -, enquanto o San José fica na lanterna, sem pontuar. Pela Libertadores, ambas as equipes voltam a campo na semana que vem – na quarta, o Rubro-Negro recebe a LDU e, na quinta, os bolivianos visitam o Peñarol. Antes, pela Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, os comandados de Abel Braga fazem o clássico com o Vasco, sábado, no Maracanã.

MILAGRES DE DIEGO ALVES
Como era de se esperar pela elevada altitude, o Flamengo jogou de uma forma cadenciada, trabalhando para ir ao ataque no erro do San José. Já os bolivianos, sem sentir muito os 3.700 metros pelo costume de jogar no local, aproveitavam para tentar abrir o placar, esbarrando em Diego Alves, que fez milagres. No primeiro tempo, aos 38 e 39 minutos, com Saucedo e Torrico, respectivamente, tentando o gol. 

FOLIA EM ORURO
Já no segundo tempo, o Flamengo passou a ir mais ao ataque, pegando um San José um pouco cansado. E nestas tentativas, a qualidade ofensiva dos comandados de Abel Braga prevaleceu. Aos 14 minutos, Bruno Henrique deu um passe perfeito para Gabigol, que entrou na área e mandou direto, na saída do goleiro Lampe, 1 a 0. A preparação durante o Carnaval, fora do Brasil, estava surtindo o efeito esperado pelo Rubro-Negro – provocando, assim, a folia nas alturas.

SEGURA A EMOÇÃO ATÉ O FIM
Na frente do placar, o Flamengo passou a trabalhar mais a bola, segurando o jogo e a emoção pela vitória na estreia na Libertadores até o fim. O San José até tentou atrapalhar, mas Diego Alves seguia fazendo milagres, em chutes de Marcelo Gomes, aos 17, e Saucedo, aos 28. O Rubro-Negro conseguiu uma chance de ampliar aos 36 novamente com Gabigol, mas mandou em cima do goleiro boliviano. Fim de papo, três pontos mais do que importantes para o Flamengo, que promete embalar na temporada!

FICHA TÉCNICA
SAN JOSÉ (BOL) 0 X 1 FLAMENGO

Estádio: Jesús Bermúdez, em Oruro (BOL)
Data/hora: 5/3/2019, às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Nestor Pitana (ARG) – Nota LANCE!: 6,0 (não influenciou no resultado, apesar de ter em alguns lances demorado a aplicar cartões, preferindo a conversa)
Assistentes: Diego Bonfa (ARG) e Maximiliano Del Yesso (ARG)
Renda/público: Indisponíveis
Cartões amarelos: Iker Hernández, Alessandrini, Segovia (SJO) e Diego, Léo Duarte, Bruno Henrique, Diego Alves (FLA)
Cartão vermelho: –

GOL: Gabigol 14’/2ºT (0-1)

SAN JOSÉ: Lampe, Segovia, Toco, Edemir Rodríguez e Jair Torrico; Kevin Fernández (Gutiérrez 21’/2ºT), Didí Torrico, Rodrigo Ramallo e Sanguinetti (Marcelo Gomes 9’/2ºT); Iker Hernández (Alessandrini 21’/2ºT) e Saucedo. Técnico: Néstor Clausen.

FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Willian Arão, Diego (Ronaldo 40’/2ºT) e Arrascaeta (Éverton Ribeiro intervalo); Bruno Henrique (Vitinho 31’/2ºT) e Gabigol. Técnico: Abel Braga.

Outras postagens...

Prefeitura de Porto Alegre se reúne com FGF para discutir Grenal na capital gaúcha

Paulo Rogério

Bruno Henrique treina normalmente na reapresentação do Flamengo

Paulo Rogério

Ex-Palmeiras, Claudecir fala sobre o Dérbi desta quinta-feira

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol