full screen background image

No primeiro vexame do ano, Nacional é eliminado em casa pelo Galvez-AC da Copa Verde

230

O fracasso da temporada do ano passado em quatro competições, parece que deixou resquícios bem profundos no Nacional. O novo vexame aconteceu diante do Galvez (AC) na derrota por 1 a 0, pela fase preliminar da Copa Verde, na tarde deste sábado, 18.

Punido com a perda do mando de campo na capital amazonense pelo STJD, devido o torcedor arremessar um copo para dentro do campo, o time azulino teve que jogar no Gilbertão, na cidade de Manacapuru (a 68 quilômetros da cidade). Conhecido como Imperador, a equipe acriana vai enfrentar o Paysandu.

Depois de passar por muitos problemas na viagem para capital amazonense, o técnico Pablo Simões, disse que o resultado mostra a superação do elenco. Para ele, não foi nenhuma surpresa o resultado final do jogo.

– Impossível para vocês, mas para o Galvez não.  Já esperava se classificar aqui, principalmente pelo que fizemos no primeiro jogo, porque jogamos muito. Não jogamos bem, por conta da viagem muito em cima, pela noite perdida de sono e uma viagem muito longa. A equipe está toda de parabéns, mas sabíamos que tínhamos condições de conseguir esse resultado.

Autor do gol da classificação, o jogador Morais, mesmo jogando fora de casa, acreditava na classificação e no potencial do grupo para fazer história na Copa Verde.

– Nós viemos com o intuito de conseguir nossa classificação no Amazonas. Sabíamos que seria difícil, mas graças a Deus eu fiz um gol para garantir essa passagem inédita para o Galvez.  Agora é descansar, porque na quinta-feira, temos compromisso pelo Estadual.

O atacante Branco entrou no final do jogo, mas não teve tempo para fazer quase nada, porque na primeira dividida de bola se contundiu. Segundo ele, a filosofia de trabalho do treinador que saiu para o atual, precisa de tempo para ser assimilado.

– O Lana implantou uma filosofia que ele criou. A Arthur mudou algumas situações que o Lana tinha colocado. Não entendemos a situação, porque eram os mesmos jogadores, enfim, todos se esforçaram muito em campo, mas perder a classificação dentro de casa é lamentável.



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.