SportsManaus
NOTÍCIAS

Pela 1ª vez na Copa, Brasil não fará treino de reconhecimento em estádio de Kazan

Da redação do SPORTSMANAUS, com informações do ESTADÃO CONTEÚDO – Almir Leite, Leandro Silveira e Marcio Dolzan, enviados especiais / Sochi

Equipe treinará no Central Stadium, casa do Rubin Kazan, e não no local da partida

Foto: Reprodução Twitter/CBF

A seleção brasileira não treinará no palco do seu compromisso com a Bélgica, em duelo válido pelas quartas de final da Copa do Mundo. Nesta quarta-feira, a CBF confirmou que a atividade prévia ao confronto será realizada no Central Stadium, de propriedade do Rubin Kazan, e não na Arena Kazan, que receberá no dia seguinte, às 15 horas (de Brasília), o confronto que definirá um dos semifinalistas da competição.

A realização de um trabalho no estádio das partidas é praxe nas competições organizadas pela Fifa, para que as equipes possam conhecer o gramado em que vão atuar, além da estrutura das arenas. Mas como há preocupação com a preservação do gramado da Arena Kazan, que já recebeu cinco partidas nesta Copa do Mundo, a entidade optou por marcar a atividade para outro local, em procedimento que tem ocorrido em diferentes estádios na Rússia. Ainda assim, a entrevista coletiva oficial prévia ao jogo está agendada para o estádio.

Nesta edição da Copa do Mundo, todos os treinos prévios da seleção ocorreram no palco dos jogos, sendo eles a Arena Rostov, a Arena Zenit, o Spartak Stadium e a Arena Samara. Mas agora o trabalho ocorrerá no Central Stadium de Kazan, a partir das 11h30 (horário de Brasília) de quinta-feira, para poupar o gramado da Arena Kazan para o duelo do dia seguinte.

O grupo da seleção vai viajar para Kazan justamente nesta quinta, com chegada prevista para ocorrer entre 6h e 6h30. Já a entrevista coletiva oficial, com a presença de Tite e o capitão escolhido por ele para o duelo, ocorrerá a partir das 9h45.

Nesta quarta-feira, a seleção treinou pela última vez em Sochi, o seu “quartel-general” durante a Copa do Mundo, pois a equipe não voltará mais para a cidade para o confronto válido pelas quartas de final. Como o trabalho foi fechado à imprensa, Tite não indicou se vai promover o retorno do lateral-esquerdo Marcelo, poupado do duelo com o México, pelas oitavas de final, por causa das dores na região lombar. Além disso, o treinador não poderá contar contra a Bélgica com o volante Casemiro, suspenso pelo segundo cartão amarelo, sendo que a sua vaga deverá ser ocupada por Fernandinho.

Em caso de vitória, a equipe seguirá de Kazan para São Petersburgo para a disputa da semifinal e preparação para o duelo, agendado para a próxima terça-feira. Depois, se triunfar novamente, vai viajar para Moscou, local da final da Copa da Rússia, em 15 de julho – a disputa do terceiro lugar ocorrerá em São Petersburgo, um dia antes.

Outras postagens...

Ronaldo conta que Barça não o valorizou e cita desafios como dono do Valladolid

Paulo Rogério

Em primeira entrevista, modelo reafirma versão de estupro de Neymar

Paulo Rogério

CBF suspende competições de âmbito nacional por tempo indeterminado

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol