SportsManaus
Agência Sports ManausFUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Pelo BR de Futsal, líder do grupo, técnico do Passo Fundo-RS encara o Estrela do Norte-AM e diz: “A nossa equipe sempre joga propondo o jogo”

Foto: Divulgação / Passo Fundo-RS

Invicto e líder do grupo A, com nove pontos, o Passo Fundo-RS quer manter sua regularidade e aproveitar o bom momento da equipe, no Campeonato Brasileiro de Futsal Adulto Masculino, para somar pontos na sequência da competição. Pela frente fora de casa, a equipe encara o Estrela do Norte-AM, quinto colocado, com quatro pontos. A partida acontece nesta quinta-feira, 6/6, às 21h (de Brasília), na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, em Manaus.

Apesar do atual posicionamento na tabela, o técnico Flavinho Cavalcante, afirma que o compromisso fora tem seu grau de dificuldade, mas acredita no potencial do elenco do Passo Fundo, que vive um momento positivo no Brasileirão.

– A gente já sabe das dificuldades, onde a equipe vem fazendo uma campanha muito boa, o Estrela do Norte, que conseguiu um resultado importante fora de casa, contra o Fortaleza. A gente sabe das dificuldades que é jogar fora nesse Campeonato Brasileiro, mas a nossa equipe tem a pretensão de terminar nas primeiras colocações. Esse jogo é importante, para que consigamos somar pontos. A nossa equipe sempre joga propondo o jogo, tentando a vitória e na quinta-feira, não vai ser diferente – comentou ao SPORTS MANAUS.

Mesmo ainda no começo do campeonato, o comandante do time gaúcho, diz que a competição não mostra uma disparidade entre as equipes. Para ele, é fundamental conhecer o comportamento tático dos adversários para montar a estratégia de jogo.

LEIA MAIS:

– A competição vem mostrando um equilíbrio grande, tendo a maioria dos jogos com um placar bem apertado. Acho que a cada rodada a dificuldade é maior, onde as equipes vão se ajustando mais e se acertando mais. A gente vem mapeando os adversários, vêm fazendo os estudos para sabermos de como jogam, para treinar em cima disso e fazer os ajustes necessários – contou o treinador, mas ainda citou.

– Acredito que vai ser um jogo de bastante dificuldades. As equipes da casa têm essa vantagem no campeonato. Acho que a gente, por exemplo, viajamos na terça-feira, o dia inteiro, onde é uma competição diferente. Todos têm também que se adaptar a essas questões, e acredito que na quinta-feira, será um grande jogo – finalizou Flavinho.

 

 

 

 

 

 

Outras postagens...

Na luta pelo rebaixamento, Sul América vence Fast pelo returno do Amazonense

Paulo Rogério

Técnico da Esmac-PA diz que vitória diante do Iranduba pode selar a vaga no Brasileiro Feminino

Paulo Rogério

No terceiro chocolate no BR feminino A2, 3B da Amazônia goleia a UDA-AL por 7 a 0, na Arena da Amazônia

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...