full screen background image

Pelo Brasileiro Feminino, técnico da Ferroviária-SP admite jogo difícil com Iranduba, em Manaus

99

Foto: Ferroviária-SP

Depois do empate em casa para o Kinderman sem gols, a Ferroviária-SP tem pela frente um compromisso difícil com o Iranduba da Amazônia, pela terceira rodada, do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino A1. As Guerreiras Grenás ocupam a segunda colocação do grupo 01, com quatro pontos, mas invicta na competição. Já as meninas do Hulk, em segundo com seis, buscam a liderança. O jogo será realizado na noite desta quinta-feira, 10/5, na Arena da Amazônia, em Manaus.

Responsável pela equipe no Brasileirão, Celso Boffa, 44 anos, está na Ferroviária desde o ano passado, mas pela primeira vez no comando de um time feminino. O treinador passou pela base do Corinthians, Palmeiras e São Caetano, além do futsal.

De acordo com comandante, a equipe está motivada e preparada para partida fora de casa. Mesmo sabendo do potencial do time amazonense em seus domínios, ele disse ao SPORTSMANAUS, que tudo pode acontecer na partida.

– Conhecemos e respeitamos muito o histórico recente do Iranduba, bem como a capacidade de suas jogadoras e de sua comissão técnica. Não esperamos nenhum tipo de facilidade na partida de logo mais – reconheceu, mas ainda acrescentou.

– Nossos objetivos são traçados jogo a jogo, passo a passo, um degrau por vez. Em termos competitivos, nosso foco é realizarmos uma campanha melhor que a do ano passado.

Para sair com um resultado positivo e não ter surpresas em campo, Celso Boffa, disse que já tem todas as informações do Iranduba. Segundo treinador, qualquer dado ajuda na estratégia de jogo sua equipe.

– Nossos analistas de desempenho buscaram a maior quantidade possível e disponível de informações. Preparamos-nos baseados nisto, mas conscientes que cada jogo tem sua história e, sendo assim, é impossível prever o que acontecerá. As jogadoras das duas equipes darão as respostas hoje à noite – finalizou, mas sobre qualquer resultado em Manaus, ele afirmou.

– Nós, como todos os times do mundo, jogamos sempre buscando meios e caminhos para vencer os jogos. Afirmar se haverá um vencedor ou se empataremos seria puro exercício de futurologia.



Paulo Rogério/sportsmanaus@gmail.com

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com / pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) / +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.