SportsManaus
NOTÍCIAS

Presidente do Paysandu quer impugnar jogo: “Foi um latrocínio”

Da redação do SportsManaus, com informações da GAZETA ESPORTIVA – Bruno Ceccon -São Paulo, SP 

Foto: Léo Lemos/Divulgação

Eliminado pelo Náutico nas quartas de final da Série C, o Paysandu tentará impugnar a partida disputada no último domingo. Ricardo Gluck, presidente do time paraense, viajou ao Rio de Janeiro e, nesta terça-feira, planeja oficializar o pedido de anulação do jogo que selou um dos classificados à Série B.

Aos 49 minutos do segundo tempo, com o placar em 2 a 1 para o Paysandu, o árbitro Leandro Vuaden marcou pênalti no momento em que Caíque Oliveira cortou um cruzamento de cabeça e a bola tocou no braço de Uchoa. O Náutico, então, empatou no tempo normal e ganhou por 5 a 3 a decisão nos tiros alternados, garantindo o acesso.

 – Não estamos lamentando aqui os três pontos. As pessoas falam: ‘O Paysandu foi assaltado’. Eu digo que foi um latrocínio, porque, além de do assalto, fomos assassinados. Sem o acesso, perdemos de R$ 12 a R$ 15 milhões. No orçamento anual de um clube da região Norte, isso é quase um decreto de vida e morte – disse Gluck.

Em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, o presidente do Paysandu citou algumas “nebulosidades” em torno da partida disputada no Estádio dos Aflitos. Na visão de Gluck, a escalação do experiente Leandro Vuaden para apitar o jogo contra o Náutico não foi adequada.

– Além de não ser Fifa, já está em fim de carreira e deve se aposentar no ano que vem”, criticou o dirigente. “Existem erros de fato e de direito. No nosso caso, houve erro de direito, porque no lance não cabe interpretação. Quando são dois companheiros, eles não fazem pênalti entre si. Então, esse pênalti foi inventado – acrescentou.

Já no Rio de Janeiro, Ricardo Gluck planeja oficializar o pedido de impugnação nesta terça-feira. O Náutico, classificado às semifinais da Série C e com o acesso, em tese, garantido, volta a campo para enfrentar o Juventude, que passou de fase ao eliminar o Imperatriz.

Outras postagens...

Duelo entre Brasil e Bélgica opõe melhor ataque com defesa menos vazada

Paulo Rogério

“Vamos fazer de tudo para vencermos”, diz Renan Rocha do Boa Esporte

Paulo Rogério

Fernando Diniz é demitido do São Paulo; Raí também

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol