SportsManaus
NOTÍCIAS

Revelado na Escola do Santos Manaus, Nobu é o novo reforço do Jabaquara para o Campeonato Paulista Sub-13

Nobuyuki Andrade Ashibe, 12 anos, o Nobu, que atua de meia, da Escola de Futebol do Santos Meninos da Vila Manaus, viaja nesta segunda-feira, 21/5, para equipe do Jabaquara Atlético Clube, da cidade de Santos, no interior de São Paulo. O atleta, foi aprovado no teste do clube em abril e vai se integrar ao Jabaquarense para disputa do Campeonato Paulista Sub-13.

Há quatro anos na Escola do Santos Manaus, Nobu, teve toda sua base de futebol na escolinha, o que foi fundamental para sua aprovação no clube paulistano. Para ele, é um momento especial, por isso, é grato por tudo que aprendeu e o trabalho dos profissionais.

– Estou muito feliz de ter conseguido passar e sou muito agradecido pela escolinha do Santos por essa chance, porque eles me indicaram para o Jabaquara. O teste foi muito bom e estou satisfeito por ter sido aprovado. É um sonho que estou subindo a cada degrau e a qualquer momento posso ser chamado para ouro clube. Estou preparado, mas cada dia vou ‘matar um Leão’ e tentar melhorar o máximo possível – disse.

Professor Wendell Nunes da Escola do Santos, ao lado de Nobu e a mãe do atleta (crédito: Paulo Rogério)

Para mãe do atleta, a advogada Luciana Andrade Ashibe, 44 anos, é um sonho que seu filho realiza, mas graças a Escola do Santos Manaus pelo trabalho desenvolvido de jogar em outro Estado.

– Estou muito orgulhosa, porque meu filho está realizando mais um sonho, devido apoio da Escola do Santos, ao David Filho, a Joelma Silva, ao professor Wendell Nunes. Ele teve todo o apoio dos professores da escolinha para realizar esse sonho. Ele não falta aos treinos, é muito assíduo e dedicado. A escolinha é de fundamental importância para o crescimento do meu filho e de outros atletas – finalizou.

O professor da Escola do Santos Manaus, Wendell Nunes Coelho, ressaltou a importância do atleta ter sido aprovado, e agora fazer parte do Jabaquara. Segundo o educador, é fruto do resultado do trabalho, empenho e dedicação na preparação diária com os garotos da escolinha.

– Primeiro agradecer a Deus por estar proporcionando essa oportunidade, como do Nobu, tem outros atletas que estão bem encaminhados. Digo para ele sempre valorizar, sempre acreditar nos sonhos e objetivos. Nós estamos fazendo um trabalho a longo prazo, cerca de seis a sete meses, tanto na parte individual e do grupo também, pois isso é muito importante para o desenvolvimento do atleta, seja na parte tática e física – explicou.

Nobu tem todo o apoio de seus pais, inclusive da mãe Luciana Andrade que acompanha seu filho (crédito: Paulo Rogério)

Outras postagens...

Líder do grupo na Série D, São Raimundo-PA quer garantir vaga diante do Fast Clube-AM

Paulo Rogério

SBT supera Globo e encaminha acerto por transmissão do Campeonato Carioca 2021

Paulo Rogério

Suíça vira o jogo sobre a Sérvia e embola grupo do Brasil

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol