SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Sem dificuldades, Manaus vence o estreante JC, na abertura do Campeonato Amazonense 2021

Foto: Ismael Monteiro / Manaus FC

Depois de perder o título para o Penarol nos pênaltis na reedição do estadual 2020, o Manaus encarou o debutante o JC e venceu por 3 a 1, em um jogo muito pegado e sem muita emoção, na abertura do Campeonato Amazonense 2021. Em busca do tetra, o Gavião do Norte passou pelo primeiro adversário, abrindo caminho para seu quarto título seguido na elite do futebol amazonense. A partida foi realizada na tarde deste sábado, 6/3, na Arena da Amazônia, na capital amazonense.

Pela segunda rodada, o Manaus encara o Cliper Clube, que folgou na rodada inicial. O jogo será na sexta-feira, 12/3, às 16h (17h de Brasília), no Estádio Ismael Benigno, a Colina, zona Oeste da cidade. Já o JC vai tentar sua primeira vitória diante do São Raimundo, sábado, 13/3, às 15h (16h de Brasília), no Estádio Floro de Mendonça, na cidade de Itacoatiara (a 276 km da capital).

Jogo

O jogo começou com os dois times se estudando, mas com o Manaus não se encontrando em campo nas horas de armar as jogadas e erros bobos nos passes. Já o JF, debutante no profissional, até que buscava tocar a bola para chegar com perigo na meta do adversário.

O primeiro lance de chegada no ataque de verdade, foi aos 11 minutos. O Gavião do Norte, avançou com Philip, que toca para Guilherme Amorim de frente para meta, mas no final chuta por cima do gol e perde a chance de finalizar mais perigo em cima do goleiro do JC.

Em outro lance no ataque, aos 22 minutos, o Manaus chegou com Vinícius Barba, que viu a entrada de Gabriel Davis. O jogador passou a bola para a entrada de Edvan bater sem direção a meta do JC.

Mais consistente em campo nas investidas, o Gavião chegou ao primeiro gol, aos 34 minutos. Após um lançamento que surgiu do setor defensivo para Ivanilson, ele sobe pela esquerda, toca para Philip, que apenas finaliza para abrir o marcador, 1 a 0.

Melhor em campo, não demorou muito e o Gavião marcou o segundo gol. Aos 42 minutos, Douglas Costa lança para Vanilson, que domina com categoria e toca na direita para a entrada de Philip, que cruza na área e encontra o mesmo Vanilson para de cabeça ampliar, 2 a 0.

Com dois desvantagem, o JC tinha que sair mais no segundo tempo, e fez isso logo no início e deu certo. Aos dois minutos. Após tiro de canto, o zagueiro Thiago Spice acabou tocando na bola e o árbitro Ivan da Silva marca pênalti. Na cobrança, Wagner Balotelli bate no canto direito e diminui o placar, 2 a 1.

Depois do susto, o Gavião saiu para tentar o terceiro gol. Aos sete minutos, o zagueiro Thiago Spice se aventura no ataque, rouba a bola do adversário e bate forte de longe e quase marcou o tento. Dois minutos depois, pela meia esquerda, Gabriel Davis, cruza na pequena área, mas ninguém do Gavião conseguiu finalizar para marcar.

O Manaus depois que sofreu o gol partiu para cima do JC. Aos 14 minutos, Guilherme Amorim faz boa jogada individual na grande área e toca para trás, a zaga do JC tira a bola, mas sobra para Vanilson bater, mas sem direção ao gol.

Depois de passar pelo sufoco, o JC também chegou para assustar o Manaus. Aos 15 minutos, Eldem de Praia, sobe pela esquerda e bate forte, mas o goleiro Rafael Pitanga, fez a defesa e afastou o perigo.

O Gavião queria mais e persistia com as jogadas no ataque com perigo. Aos 29 minutos, Vinícius Barba de longe chuta forte, mas o goleiro Bruno pratica a defesa com segurança na meta do JC.

Aos 40 minutos, o Gavião apertou e chegou ao terceiro gol. Jack Chan, cobra tiro de canto pela esquerda na área, Rafael Ibiapino toca de cabeça e Vanilson aparece entre os zagueiros para marcar, 3 a 0.

Apesar do placar praticamente definido, o JC não baixou cabeça e saiu para marcar mais um tento. Aos 45 minutos, de longa distância, João Marcos bate forte, a bola toca na defesa e quase entra no gol de Rafael Pitanga.

Ficha técnica:

Jogo: Manaus FC 3×1 JC

Motivo: Campeonato Amazonense de 2021 – 1ª fase / 1ª rodada

Local: Arena da Amazônia – Manaus/AM  

Horário: 15h30 (16h30 de Brasília)

Público:

Renda:

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior

Árbitros Assistentes: Alexsandro Lira de Alexandre e Eliane Nogueira dos Santos

Gols: Philip 35min 1ºt, Vanilson 42min 1ºt e 40min 2ºt (Manaus FC) e Wagner Balotelli 2min 2ºt (JC)

Advertências: Paulão, Jean, José Henrique e Clebson (JC) e Guilherme Amorim e Luís Fernando (Manaus FC)  

Expulsão:

Manaus: Rafael Pitanga, Edvan (Erivelton), Thiago Spice, Luís Fernando, Tiago Costa (Vanilson), Guilherme Amorim (Marcio Passos), Vinícius Barba, Gabriel Davis, Philip (Rafael Ibiapino), Diego Rosa (Jackie Chan) e Douglas Lima. Técnico: Luizinho Vieira.

JC: Bruno Rocha, Raphael Sabela (Zé Neto), Paulão, Alex, Henrique Mumu, Clebson Boca, Cristian Fabrício (João Marcos), Eldem Ricardo (Fidelis), Jeferson Negueba (Diego Vitor), Wagner Balotelli (Rosivaldo) e Jean. Técnico: Paulo Morgado.

 

Outras postagens...

Escola do Santos Meninos da Vila Manaus goleia São Raimundo e segue invicto no Amazonense Sub-13

Paulo Rogério

Com gol de Gustavo, Escola do Santos Manaus vence Barcelona e fica em segundo no Amazonense Sub-13

Paulo Rogério

Treinador no Japão e USA, Wanderlei Cesareti quer mostrar seu potencial no futebol brasileiro

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol