Sul-Americana: Brenner faz dois, mas São Paulo leva virada do Lanús com gol aos 45 do segundo tempo

458

Da redação do Sports Manaus, com informações da ESPN.com.br

Foto: Divulgação / Conmebol

Começou mal a campanha do São Paulo na Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira (28), o Tricolor saiu na frente, buscou empate a cinco minutos do fim, mas acabou perdendo por 3 a 2 para o Lanús, com gol argentino marcado nos acréscimos. A partida aconteceu em “La Fortaleza” e foi válida pela segunda eliminatória do torneio.

Brenner, sempre ele, colocou o Tricolor na frente ainda no primeiro tempo, mas Sand, maior goleador da história do Lanús, brilhou ao marcar duas vezes com muito oportunismo. Quando a derrota parecia garantida, o São Paulo viu o jovem prodígio garantir o empate. O problema é que, numa bobeada em cobrança de escanteio, Quignón não perdoou e deu números finais.

A partida foi equilibrada desde o início e até merecia mais gols. Foram três bolas na trave, uma do Lanús, em desvio de cabeça de Diego Costa contra a própria baliza, e duas do São Paulo, em chutes de fora da área de Brenner e Daniel Alves. O jovem atacante tricolor ainda teve um gol anulado por impedimento, em posição duvidosa, após bela jogada de Reinaldo.

Foi o primeiro jogo oficial do Lanús desde 16 de março, ou seja, 226 dias sem atuar além de amistosos. A equipe argentina não havia entrado em campo desde o retorno do futebol sul-americano, em meio à pandemia de COVID-19. Em 2020, foi apenas a nona atuação da equipe grená: quatro vitórias, um empate e quatro derrotas. O último triunfo havia sido em 15 de fevereiro.

Já o São Paulo conhece a primeira derrota em quase um mês, após sete partidas de invencibilidade (quatro vitórias e três empates). Chama atenção o número alto de gols sofridos: nove nos últimos cinco jogos, contra Fortaleza, Grêmio (único a não marcar), Binacional, Fortaleza novamente e agora Lanús.

Os dois clubes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (4), às 19h15 (de Brasília), no Morumbi, pela partida de volta. O São Paulo se classifica caso vença por 1 a 0, 2 a 1 ou por dois gols de diferença. O Lanús avança com um simples empate ou caso perca por um gol, desde que marque pelo menos três na capital paulista.

Ficha técnica

Lanús 3 x 2 São Paulo

GOLS: Sand (2) e Quignón (LAN); Brenner (2) (SAO)

LANÚS: Morales; Di Placido, Thaller, Burdisso e Bernabéi; Belmonte, Facundo Pérez (Belluschi), Vera (Quignón) e Aguirre (Orozco); De la Vega (Orsini) e Sand. Técnico: Luis Zubeldía

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Tchê Tchê, Diego Costa, Bruno Alves e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Gabriel Sara (Vitor Bueno) e Igor Gomes (Pablo); Luciano e Brenner. Técnico: Fernando Diniz

Estatísticas

Lanús voltou a jogar oficialmente após 226 dias

Posse de bola no 1º tempo: Lanús 51% x 49% São Paulo

Foram 6 chutes do Lanús na metade inicial, mas só 1 certo

Arbitragem distribuiu 4 cartões amarelos na primeira etapa, dois para cada lado

Artilheiro do São Paulo, Brenner chegou a 13 gols na temporada

José Sand, de 40 anos, é o maior goleador da história do clube argentino

São Paulo perdeu invencibilidade de 7 jogos (4 vitórias e 3 empates)

O jogo

Lanús e São Paulo adotaram estratégias parecidas defensiva e ofensivamente, saindo com bola por baixo, desde o goleiro, e marcando sob pressão. Isso rendeu espaços nas costas da defesa, que não foram aproveitadas logo de cara.

Depois de errar três saídas em pouco menos de 10 minutos, o Tricolor abriu o placar aos 12. Tchê Tchê encontrou belo lançamento em profundidade para Luciano, que carregou até a área e rolou para Brenner. O garoto apareceu para, de primeira, marcar o 12º dele na temporada.

O Lanús equilibrou as ações e passou a aproveitar mais as bobeiras defensivas do time brasileiro. Dos 27 aos 29 minutos, criou três perigosas oportunidades, primeiro em cruzamento que Bruno Alves cortou, depois em bola na trave de Diogo Costa e depois em pancada de De La Vega na rede pelo lado de fora.

No segundo tempo, o São Paulo criou a primeira chance com Brenner, em chute que parou na trave, mas sofreu o empate relativamente rápido. Aos 8 minutos, após cruzamento da esquerda, Diego cortou mal, a bola resvalou em Daniel Alves e sobrou limpa para Sand, quase embaixo da trave, só completar.

O camisa 10 tricolor tentou se redimir aos 12, aproveitando rebote de falta mal cobrada por ele mesmo, mas o chute explodiu no travessão. O São Paulo conseguiu controlar o jogo e ainda achou o segundo gol aos 34 minutos, em belo lance individual de Reinaldo, que cruzou para Brenner marcar. Mas a arbitragem anulou o lance por impedimento.

No fim, três gols definiram o resultado. Sand, após cruzamento nas costas de Reinaldo, dominou dentro da área, girou e bateu na saída de Tiago Volpi, aos 38 minutos do segundo tempo. Dois minutos depois, Brenner achou chute de fora da área e acerto o ângulo esquerdo de Morales, empatando o confronto.

Mas ainda teve tempo para Quignón, após escanteio da esquerda, subir entre a defesa tricolor e desempatar a partida aos 45.

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo no fim de semana por seus respectivos campeonatos nacionais.

  • Sábado (31/10), 21h15*, Lanús x Boca Juniors
  • Domingo (01/11), 16h*, Flamengo x São Paulo

*horário de Brasília



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.