SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

”Tudo é possível no futebol”, define técnico do JC sobre o jogo com Manaus, pelas quartas do estadual

Foto: João Normando / FAF

Debutante no futebol amazonense, ficando em oitavo lugar, na primeira fase do Campeonato Amazonense, o JC se prepara para enfrentar o Manaus, que joga por dois resultados iguais, na abertura das quartas de final, em jogos de ida e volta. O primeiro desafio será nesta quarta-feira, 21/4, às 15h (16h de Brasília), no Estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara (a 276 km da capital). A partida de volta ocorre no sábado, 24/4, às 16h05 (17h05 de Brasília), no Estádio Ismael Benigno, a Colina, zona Oeste. 

Ciente de todo favoritismo do adversário, em razão da campanha, qualidade técnica e estrutura, o técnico Paulo Morgado, afirmou que apesar disso, tem sua estratégia para conseguir um resultado positivo em casa.

– São jogos diferentes, não são jogos iguais, é o mesmo adversário, mas em uma situação totalmente diferente no mata-mata. Vamos tentar fazer uma boa partida aqui em Itacoatiara e levar o resultado positivo para Manaus. Acreditamos e sabemos que no futebol tudo é possível. Por exemplo, o Manaus perdeu para o Nacional e nós três dias depois acabamos vencendo o Nacional. Por isso, tudo é possível no futebol, pois vamos entrar com força máxima e acreditamos na vitória – explicou ao SPORTS MANAUS, mas ainda afirmou. 

O Manaus joga por dois resultados iguais. Pelo menos temos que vencer um jogo e não perder o outro. Após a vitória frente ao Nacional, ganhamos motivação e confiança. Não somos favoritos, porque o favorito é o Manaus. Eles têm um orçamento quatro a cinco vezes superior ao nosso, mas temos nossas armas e vamos definir bem como será nossa estratégia de jogo. Depois da partida do Manaus com o Princesa, vamos analisar bem e definir a estratégia correta – justificou o comandante do JC. 

Para conseguir seu objetivo no primeiro jogo em seus domínios, Paulo Morgado, estudou bem em todos os sentidos o Gavião. Para ele, o trabalho foi realizado para conquistar esse êxito.

– O Manaus hoje é um time diferente daquilo do que era no primeiro jogo do campeonato, pois mudou de treinador e mudaram também alguns conceitos, como bolas paradas, modelo de jogo, não o sistema de jogo,enfim,ainda não está no nível que o treinador quer. Eu conheço o Manaus e o elenco. Como é óbvio, não vamos para cima deles, não somos um time que consiga ou tenha peças para encarar cara a cara, mas temos nossas armas e vamos tentar a vitória – citou Morgado.

 

Outras postagens...

Sem revelar nomes, Mirandinha diz que Rio Negro busca reforços para a Série B AM

Paulo Rogério

Pela Série D, técnico do Galvez-AC afirma importância da vitória em casa diante do Penarol

Paulo Rogério

Em jogo de muitos gols, São Raimundo vira e goleia o Iranduba por 4 a 2 pelo Amazonense 2020

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...