SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONAL

Único da região Norte na Copa SP, técnico do Macapá pega o Ibrachina-SP e revela: “Vamos tentar fazer o máximo”

Foto: Israel Barbosa

Após uma grande vitória de goleada na última rodada da fase classificatória, o Macapá EC, não teve nem tempo para comemorar, mas já tem seu foco voltado para a segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O único representante da região Norte no mata-mata, a garotada do Azulão, vai encarar o Ibrachina-SP, com apenas três anos de fundação. A partida será neste sábado, 13/1, às 11h (de Brasília), na Ibrachina Arena, em São Paulo.

De acordo com o técnico português, Miguel Seruca, a equipe vem até agora com um comportamento em campo satisfatório, resultando na vaga para o mata-mata, mas principalmente, a confiança do grupo para esse jogo decisivo.

– O último resultado deixou a equipe muito mais confiante, em vista que os dois primeiros empates foram com duas grandes equipes, sendo uma com o Vasco da Gama, candidato ao título e uma das melhores equipes do Brasil. O segundo foi o Flamengo, uma equipe da casa com uma torcida fervorosa, onde foram dois empates arrancados com muito trabalho – explicou ao SPORTS MANAUS, mas ainda citou.

– Esta última goleada foi um jogo difícil. Agora sabemos que vamos encontrar a equipe da Inbracbina, muito forte e tem um investimento muito grande. Tivemos poucos dias para se recuperar, mas isso não é um problema. Vamos tentar fazer o máximo e dignificar o futebol do Norte do país e amapaense – frisou Miguel.

Sabendo que terá em seu caminho, um adversário muito difícil, o técnico Miguel Seruca, apesar do pouco tempo de intervalo entre um jogo e outra partida, conseguiu colher alguns dados do Ibrachina para buscar a vaga na próxima fase.

– Fizemos uma observação para passar aos jogadores e treinamos em cima disso. O que posso dizer é que todos os jogos da Copinha são muito difíceis. O Macapá vem fazendo uma Copa maravilhosa, vem sendo a sensação e não queremos dar isso de mão beijada. Vamos lutar, disputar o jogo com a mesma atitude – disse Seruca, mas ainda destacou.

– Sem esquecer de antemão, nós viemos para a Copinha para competir todos os jogos. Além disso, não temos muitas informações das outras equipes do resto do Brasil. Estamos aqui para aprender muito, pois é o primeiro ano na Copa. Estamos muito felizes pela participação dos jogadores – concluiu o treinador.

 

 

 

 

Outras postagens...

Com duas falhas do goleiro, Amazonas faz o placar, mas São Raimundo joga melhor no segundo tempo e empata pela Série D

Paulo Rogério

Amazonas abre o marcador, mas no final é goleado pelo Volta Redonda por 5 a 1 na Série C

Paulo Rogério

Librade tem jogo difícil com Fast, mas de olho na vantagem pelas quartas de final do Amazonense Sub-20

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...