Depois de 12 jogos sem vencer, Fast derrota São Raimundo-RR na estreia da Série D

171

Depois de ficar mais de dois meses sem vencer, com total de 12 jogos, o Fast Clube finalmente conseguiu se reencontrar com a vitória diante do São Raimundo-RR por 2 a 1, na estreia no Campeonato Brasileiro da Série D. A partida ocorreu na noite desta terça-feira, 7/5, no estádio da Colina, zona Oeste da cidade.

Com resultado, o Tricolor de Aço divide a liderança do grupo A1, com Barcelona-RO que venceu o Rio Branco-AC, com mesmo placar, ficando ambos com três pontos. O próximo compromisso do Fast será com Rio Branco, pela segunda da Série D, no domingo, 12/5, na Arena da Floresta, na capital acriana.

Com apenas uma semana de preparação e com time totalmente renovado, em relação ao que disputou o estadual, o treinador Aderbal Lana, disse ao SportsManaus, que a vitória em casa era fundamental, pois considera o adversário como mais difícil do grupo.

Lana gostou do desempenho da equipe, apesar do pouco tempo de treino (crédito: Paulo Rogério)

– Foi uma partida boa, acho que ganhamos da equipe mais difícil do nosso grupo, porque está muito tempo montada, o treinador está há oito anos no clube. A vitória foi acima do que eu imaginava, porque tem a questão do condicionamento físico, alguns jogadores, mesmo parado pouco tempo, por exemplo, o Ray, sentiu bastante, o Saroa cansou, o Marcelo Tiririca errou muitos passes, enfim, teve essas situações – completou.

Chamado pelo treinador para entrar no segundo tempo, o jogador Igor marcou o gol da vitória de cabeça, mas antes disso, ele já tinha tentado, mas sem sucesso. Para ele, com pouco tempo de treino, o resultado foi excelente.

– Na verdade, tentei duas vezes de cabeça, mas na terceira vez fui feliz de ter marcado. Foi muito importante essa vitória, porque nosso time vem de 12 resultados negativos. Quando terminou o segundo turno do estadual, eu falei que nós iriamos reverter essa história – disse.

Depois de sair perdendo, e ter empatado na sequência, o técnico Chiquinho Viana, lamentou as chances desperdiçadas pelo São Raimundo. Segundo ele, a equipe vacilou pela desatenção no segundo gol.

Treinador do Mundão lamentou as chances desperdiçadas no ataque (crédito: Paulo Rogério)

– Foi algo que já tínhamos planejado, ou seja, a bola aérea deles. Nós pecamos justamente no local, onde sabíamos que a bola iria cair. Tivemos a oportunidade de matar o jogo nos contra-ataques, mas não tivemos competência. Foi um bom jogo, acho que momento algum o São Raimundo se negou a jogar, teve uma postura, e quando a gente saia com velocidade causava desconforto na equipe do Fast – observou.

Jogo

A partida começou em ritmo lento, mas jogando em casa o Fast buscava sua primeira vitória na Série D, depois de uma sequência de 12 jogos sem vencer. Aos sete minutos, Thiago Bigo cruza pela direita e Ronan na grande área na hora do chute fura, mas na sobra Willian Sarôa chutou em cima da zaga do São Raimundo.  

Aos 10 minutos, o Tricolor de Aço chegou com perigo, no chute de longe de Willian Sarôa. Aos 19 minutos, pela esquerda Romarinho passa pelo zagueiro e quando entra na grande área, mas o jogador Maranhão derruba e o árbitro marca pênalti. Um minuto depois, Willian Sarôa bate forte no canto esquerdo, 1 a 0 Fast.

Melhor em campo, o Rolo Compressor jogava ofensivamente, apesar da vantagem no placar. Aos 28 minutos, Willian Sarôa da intermediária chuta de canhota no canto direito com perigo da meta do Mundão. Aos 36 minutos, Paulinho pela direita vai na linha de fundo e cruza para Ray, que chuta fraco e perde a chance de marcar. 

Depois de um bom tempo sem ir ao ataque, aos 41 minutos, o São Raimundo chega com Luan, pela esquerda, na cobrança de falta no canto esquerdo do goleiro, que defende e evita o empate. Aos 45 minutos, a zaga do São Raimundo saiu errado, Bernardo aproveita pela esquerda e toca para Ray, que domina e chuta rasteiro, mas o goleiro prática uma boa defesa.

Jogador do São Raimundo com a bola dominada tenta avançar ao ataque (crédito: Paulo Rogério)

Já o primeiro lance de perigo no segundo tempo, foi do São Raimundo. Aos três minutos, Kayo avança pela esquerda e chuta, mas bem posicionado o goleiro Regly faz a defesa.  Aos 11 minutos, depois de receber uma bola na esquerda, Ricardinho domina e toca no canto esquerdo para empatar, 1 a 1.

Aos 23 minutos, Bernardo cobra falta pela esquerda e o pequeno Igor sobe alto e toca de cabeça, mas o goleiro defende e evita o gol. Aos 31 minutos, o atacante Cassiano que acabara de entrar cruza pela direita e Ronan chuta de primeira com perigo à meta do São Raimundo.

Aos 33 minutos, Ramonzinho cobra falta pela direita, a bola sobra para Paulinho que chuta forte no canto esquerdo e quase marcou para o Fast. Aos 43 minutos, contra-ataque do Fast com Ramonzinho, que toca para Romarinho, na grande área, mas acabou chutando cruzado para boa defesa do goleiro.

Aos 45 minutos, Ramonzinho cobra tiro de canto pela direita na grande e Igor toca de cabeça para fazer, 2 a 1. Na sequência da comemoração, Igor foi comemorar com a torcida, mas como já tinha amarelo, acabou recebendo o segundo é o vermelho em seguida.
Ficha técnica:

Jogo: Fast Clube 2×1 São Raimundo-RR

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série D / 1ª fase / 1ª rodada 

Local: Estádio Ismael Benigno, a Colina – Manaus/AM 

Horário: 20h

Renda: R$ 2.430,00

Público pagante: 233 / presente: 308

Árbitro: Joelson Nazareno Ferreira Cardoso (PA)

Árbitros assistentes: Márcio Gleidson Correia Dias (PA) e José Ricardo Guimarães Coimbra (PA)

Gols: Willian Sarôa 20min 1ºt – pênalti e Igor 45min 2ºt (Fast) e Ricardinho 11min 2ºt (São Raimundo)

Advertências: Ray e Igor (Fast) e Paulo, Alan, Kayo e Ricardinho (São Raimundo)

Expulsão: Igor (Fast)

Fast Clube: André Regly, Paulinho, Guigui, Carlinhos Rocha, Bernardo, Felipe Tiririca, Thiago Bigo (Ramonzinho), Ronan, Willian Sarôa (Cassiano), Ray (Igor) e Romarinho. Técnico: Aderbal Lana.

São Raimundo: Diego, Luã (André Alves), Paulo, Alan, Kayo, Maranhão, Ygor. Belão, Ricardinho, João Lucas (José Júnior) e Marcos. Técnico: Chiquinho Viana.



Paulo Rogério

I live in Brazil, in the city of Manaus, which hosted 2014 World Cup matches, the Olympic 2016 men's and women's football tournament. I'm Paulo Rogério Veiga, 51, a reporter, journalist and owner of sports portal www.sportsmanaus.com.br. I would like to inform you that I have received material from FIFA for 35 years, in addition to Conmebol and UEFA. I have also been editor of globoesporte.globo.com/am/ portal. I am working as a press and publicity advisor to leverage your company, product, brand, your soccer career, whether player, coach, club, manager, any professional that Works and conducts business in football. I am a professional / base player agent and a soccer coach. I have contact with agents, international agencies, academies, intermediaries, scoutings, among others in Brazil and in world football, including with signed contract. Another work I do is to attract potential investors to sponsor clubs in Brazilian football, which seek to gain their place in the regional, national and even international scenario. Contact us. E-mail: paulo.imprensa@hotmail.com pauloimprensa@gmail.com Contact: +55 (092) 3629-0651 (office) +55 (092) 99171-9226 (live / watsapp). Leia mais em sobre o editor clicando aqui.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.