SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Em reunião com jogadores, técnico é apresentado e presidente anuncia construção do CT do Cliper

Não foi ainda uma apresentação oficial do elenco, mas o Cliper Clube aproveitou a reunião com o possível grupo de jogadores para o Campeonato Amazonense da Série B, para apresentar oficialmente o técnico, Anquimar Oliveira, o Mazinho, de 54 anos, para comandar o time na divisão de acesso. A programação ocorreu na tarde desta quinta-feira, 12/9, na zona mista do estádio Carlos Zamith, zona Leste da cidade.

O presidente do Águia Dourada do Parque 10, Wallace Dantas, aproveitou para reunir com os jogadores que vão começar os treinos, apresentou o novo treinador, mas principalmente anunciou a construção de um local para os treinos da equipe.

Presidente afirmou que o CT do clube fica pronto em março de 2020 (crédito: Paulo Rogério)

– O Centro de Treinamento é um projeto inovador. Já temos um terreno próprio e estamos trabalhando em cima do projeto. Tenho certeza, vai ficar pronto até marco de 2020. O investimento será próprio e temos alguns parceiros também. Conversei com professor (treinador), vamos dar prioridade aos atletas da cidade, mas se houver necessidade, vamos trazer de fora. O elenco será apresentado oficialmente dia 21 a imprensa para um café da manhã. Temos um barco muito bonito para isso. Para nova diretoria, é um desafio tudo isso – afirmou.

Comandante

Com passagem por Bonsucesso-RJ, Timbaúba-PE e Tocantins-TO, este último na disputa da Série D, Mazinho, tem sua formação de treinador de futebol no curso de Carlos Alberto Parreira, pelo Sindicato dos Treinadores de Futebol Profissional do Estado do Rio de Janeiro.

De acordo com treinador, mesmo sendo uma equipe modesta do futebol amazonense, ele ficou sensibilizado com projeto apresentado pelo presidente, mas revelou ao SportsManaus, que já tem informações do grupo, mas se for preciso, vai trazer outros jogadores.

Treinador disse que vai avaliar o grupo, mas se for preciso vai pedir reforços (crédito: Paulo Rogério)

– Não conheço a equipe, mas tem uma pessoa que me passou as referencias de alguns jogadores que estão aqui. Me passaram o material e a qualidade dos jogadores. Durante a semana vamos fazer uma breve avaliação, mas se for necessário trazer alguns jogadores, já temos alguns em vista para dar uma encorpada melhor. Tem três atletas que estão terminando a Série B do Rio, e tem dois que perderam a classificação na semifinal no Rio, mas todos estão em atividade.

Experiência

Com passagem por várias equipes do futebol amazonense, o atacante Branco é uma das grandes novidades do Cliper para disputa da divisão de acesso. Segundo ele, houve o convite de outras equipes, mas no final acabou fechando com Águia Dourada para ajudar o time por uma das vagas na elite do próximo ano.

– Tive alguns sondagens do São Raimundo, mas por problemas particulares não deu para mim ir em relação a torcida. Isso dificultou, mas conversei bastante com Prata e ele pediu minha contratação. Hoje estou feliz, mais uma equipe, mais um grande passo na minha vida de poder colocar o Cliper na primeira divisão, e se for possível ser campeão. Conhecemos algumas peças, o time ainda está em fase de montagem, mas podemos ver alguns jogadores bons. Agora é trabalhar para conseguir nosso objetivo.

Outras postagens...

Em treino na Arena, Fast-AM sonha com vaga diante do Vila Nova-GO pela Copa do Brasil

Paulo Rogério

Anunciado como gerente de futebol do Fast, Olavo Dantas começa a traçar seu planejamento para Série D

Paulo Rogério

Pela Série D, técnico do Fast não acredita em jogo fácil, mas diz que Ji-Paraná-RO também joga por uma vitória

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol