SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Após três empates consecutivos, Fast vence Atlético-AC pela Série D, em Manaus

Foto: Adilson Nascimento / Fast Clube

Após três empates consecutivos, o Fast Clube conquistou uma vitória importante diante do Atlético-AC por 1 a 0, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série D, na noite desta quarta-feira, no Estádio Ismael Benigno, a Colina. Mesmo caindo de rendimento durante os jogos, principalmente no segundo tempo, o Tricolor de Aço, com gol de Daivison, entrou no G4, ficando em terceiro lugar, com 13 pontos e continua na briga por uma das vagas no grupo 1 da competição.

Pela 9ª rodada, no returno dentro do grupo, o Fast Clube vai enfrentar o Vilhenense-RO, no domingo, 25/10, às 16h (17h de Brasília), no Portal da Amazônia, no interior de Rondônia. Já o Atlético-AC, na lanterna com cinco pontos, vai encarar o Independente-PA, domingo, às 17h (18h de Brasília), na Arena Acreana, em Rio Branco.

Jogo

O jogo começou com o Fast tentando encaixar as jogadas no ataque e o Atlético-AC se defender com sua marcação. O primeiro lance de perigo foi aos 10 minutos. Charles recebe pela direita na grande área e chuta, mas em cima do goleiro Dida do Galo.

Aos 14 minutos, o Tricolor de Aço abre o marcador. Na sua reestreia, Ronan recebe pela esquerda, passa pelo zagueiro e cruza para trás e encontra Daivison bem posicionado para bater no canto esquerdo de Dida, 1 a 0.

Aos 17 minutos, nova chance do Fast de ampliar. Pela esquerda, Charles recebe e chuta no canto esquerdo, mas o goleiro Dida toca para escanteio. Na cobrança pela direita com Charles, o zagueiro Bernardo aparece na grande área e toca de cabeça, mas a bola passa tirando tinta da trave direita do Atlético.

Após o gol, o Fast procurava o segundo gol, mas não com o mesmo ritmo do início de jogo. Aos 35 minutos, Charles tentou a jogada pela meia esquerda e sofreu a falta do seu marcador. Ele mesmo cobra a falta, mas bate muito forte por cima da meta.

Com seus lances individuais, o Ronan se destacava pela esquerda. Aos 43 minutos, o jogador tentou passar por dois zagueiros na entrada da grande área, mas a bola foi rebatida e sobra para Emerson Bacas pela direita, que chuta e o goleiro Dida no canto esquerdo toca para linha de fundo.

No segundo tempo, o técnico interino do Atlético promoveu duas mudanças. Mal começou a partida e Mateus que acabara de entrar recebe um lançamento na grande área e bate, mas o goleiro Alencar evita o empate.

Depois desse lance de perigo, o Fast vem repetindo as mesmas atuações no segundo tempo com a queda de rendimento. Já o Atlético, procurava construir as jogadas para entrar no setor defensivo do Rolo Compressor, mas as vezes sem muito sucesso.

Aos 28 minutos, mais uma vez o Galo quase empatou. Pela esquerda, Luiz Henrique de canhota chuta, mas o goleiro Alencar defende no canto esquerdo e evitou o gol do Galo.

Mesmo não jogando bem, aos 34 minutos, o Fast chegou perto do segundo gol. Railson que entrou na partida, recebe pela direita em velocidade, passa pelo zagueiro e bate no canto direito de Dida com perigo.

Aos 49 minutos, o Fast faz uma blitz na grande área. Geraldo por duas vezes chutou e na segunda tentativa de frente para meta no canto esquerdo e o goleiro defendeu e fechou a meta.

Ficha técnica:

Jogo: Fast Clube 1×0 Atlético-AC

Motivo: Campeonato Brasileiro da Série D – 1ª fase / Grupo 1 / 8ª rodada

Local: Estádio Ismael Benigno, a Colina – Manaus/AM

Horário: 20h (21h de Brasília)

Público: —

Renda: —

Árbitro:  Yuri Elino Ferreira da Cruz (RJ)

Árbitros Assistentes: Dimmi Yuri das Chagas Cardoso (AM) e Eliane Nogueira dos Santos (AM)

Gol: Daivison 15min 1ºt (Fast Clube)

Advertências: Pelezinho e Igor (Fast Clube) e Weverton e Paulo Santos (Atlético-AC)

Expulsão: —

Fast Clube: Alencar, Bernardo, Bernardo Benjamim, Alison, Ítalo, Pelezinho, Emerson Bacas (Marco Goiano), Charles (Igor), Negueba (Raylson), Daivison (Geraldo) e Ronan (Caíque). Técnico: Lecheva.

Atlético-AC: Dida, Pedro Balu (Mateus), Elielson, João Marcus, Paulo Santos (Anderson), Léo, Jhon (Ednaldo), Weverton (Tragodara), Americano, Diego e Luiz Henrique. Técnico: Doriedson Mendes Souza.

 

Outras postagens...

Amazonas e Nacional empatam pelo Amazonense, mas com gosto de derrota para Onça-pintada

Paulo Rogério

Governo português cancela Porto International Cup e Sul América vai disputar agora “Jogos Amigáveis”, em 2021

Paulo Rogério

Pela Série D, Derlan diz que conhece o Fast e quer repetir o mesmo acesso pelo Manaus, agora no Moto Club

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...