SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Cliper empata com Amazonas, mas segue na luta por vaga na Série B do AM

Mesmo apresentando um bom futebol no segundo tempo e criando algumas chances de gols, o Cliper Clube não saiu do empate com Amazonas FC de 0 a 0, pela segunda rodada do Campeonato Amazonense da Série B. Com resultado, o Águia Dourada do P10 soma seu primeiro ponto, mas continua na briga por uma vaga na elite do futebol amazonense de 2020. A partida foi realizada na noite deste sábado, no estádio Ismael Benigno, a Colina, zona Oeste da cidade.

Pela terceira rodada, o Cliper tem uma partida decisiva com Holanda, que perdeu na estreia para o Tarumã. O jogo será no sábado, 26/10, às 16h, no estádio da Colina. Já o Amazonas vai encarar o São Raimundo, também no sábado, mas as 18h, na Colina.

De acordo com técnico Mazinho, o Cliper Clube não soube aproveitar as chances que foram criadas mais uma vez. Para ele, a equipe foi melhor na etapa complementar, mas mesmo assim faltou balançar as redes do adversário.

Treinador do Cliper lamentou mais uma vez os gols perdidos (Foto: Agência SportsManaus)

– No primeiro tempo jogamos muito abaixo do que fizemos na partida com São Raimundo. Não tivemos a mesma postura do outro jogo, mas no decorrer do tempo o time se encontrou e acabou jogando melhor. Mais uma vez não conseguimos concluir as jogadas em gols – lamentou.

Para o jogador Carlinhos, que entrou no decorrer da partida na estreia, mas saiu jogando, lamentou o resultado, mas afirmou que acredita na classificação do time para final e uma das vagas na elite do futebol amazonense ano que vem.

– Acho que no primeiro tempo fomos muito abaixo, o time não encaixou. Foi uma partida diferente do jogo com São Raimundo. No segundo tempo, acertamos e igualamos o jogo, mas infelizmente não conseguimos sair com a vitória. Esse empate nos mantem vivo e vamos buscar nosso acesso – concluiu.

Insatisfeito com desempenho da equipe, o técnico Lecheva, disse que o Amazonas foi bem, mas lamentou a forma de jogar da equipe. Segundo ele, sua equipe poderia ter saído com resultado favorável.

– A gente não sai satisfeito não, porque mandamos no jogo todo, criamos chances de gol e não fizemos. O adversário o tempo todo esperando um erro nosso e ainda demos algumas chances para criarem algumas situações de perigo. Só chegaram em uma bola parada, onde o atacante deles acabou cabeceando no nosso gol – finalizou.

Águia Dourada do P10 jogou melhor no segundo tempo (Foto: Agência SportsManaus)

Jogo

Sem a mesma atuação satisfatória do primeiro jogo, o Cliper não repetiu seu bom desempenho e sentiu dificuldades para manter a regularidade na abertura do campeonato.

Aos 10 minutos, pela esquerda o Amazonas ataca com Emerson Bacas que toca para Daivison na direita, chutar por cima da meta.
Aos 19 minutos, o Cliper chegou pela direta com perigo com Carlinhos, que chutou forte, mas para fora do gol.  Aos 27 minutos, a zaga do Cliper sai mal pela direita e Dioguinho chutou de canhota com perigo.

Aos 38 minutos, o Amazonas chega com Emerson Bacas na cobrança de falta, mas o goleiro Nelsinho toca na bola e bate na trave. 

No segundo tempo o Cliper voltou melhor. Aos oito minutos, cruzamento de Carlos Júnior pela esquerda e Heitor de cabeça na pequena área quase marcou, porque o goleiro evitou o gol.

O Cliper continuava com a posse de bola, mas não conseguiu aproveitar as oportunidade de marcar nas jogadas no ataque.

Ficha técnica:

Jogo: Amazonas 0x0 Cliper Clube

Motivo: Campeonato Amazonense da Série B /1ª fase  

Local: Estádio Ismael Benigno, a Colina – Manaus/AM

Horário: 18h

Renda: 

Público pagante: 

Árbitro: Edmar Campos da Encarnação

Árbitros Assistentes: Uesclei Regison Pereira dos Santos e Hugo Agostinho Chaves da Paixão 

Advertências: Rubran, Emerson, Emanuel e Daivison (Amazonas) e Nelsinho, Luan, Rogério Pedra, Stronda e Bruno (Cliper)

Amazonas: Iago Sales, Magnum, Bernardo, Rubran, Souza, Pelezinho, Emerson Bacas (Paulo), Dioguinho, Willian Fazendinha (Ivanilson), Daivison e Índio (Caique). Técnico: Lecheva.

Cliper Clube: Nelsinho, Carlinhos, Luan, Antony, Alberto, Rogério Pedra, Jussan (Maxson), Kelve (Bruno), Heitor (Stronda), Branco e Carlos Junior. Técnico: Mazinho.

Outras postagens...

Em casa, Penarol é derrotado para o Castanhal-PA e perde a chance de avançar na Série D

Paulo Rogério

Com três derrotas na Série D, técnico do Independente-PA pretende surpreender o Fast, em Manaus

Paulo Rogério

Nazareno é empossado no Naça e declara: “Momento de responsabilidade e emoção”

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol