SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Pelo Brasileiro Feminino A2, técnico do JC-AM espera jogo difícil contra UDA-AL e alerta: “Sabemos que vamos sofrer uma pressão”

O time amazonense perdeu em casa na estreia para o Fortaleza por 1 a 0, em Itacoatiara.

Foto: Craviano Barros / JC

Em busca de sua primeira vitória, o JC-AM, entra em campo para encarar o União Desportiva Alagoana (UDA) precisando pontuar, mas ciente de que tem pela frente um adversário de muita da qualidade, que venceu bem na estreia do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino A2 fora de casa. A partida válida pela segunda rodada, será neste sábado, 22/4, às 15h (de Brasília), no Estádio Rei Pelé, em Maceió. O time amazonense perdeu na abertura do campeonato para o Fortaleza por 1 a 0, em Itacoatiara.

De acordo com o técnico Erivelton Gomes, a equipe precisa pontuar para ficar com chances de classificação dentro do grupo, mas alertou que não pode ser de qualquer maneira. Para ele, isso vai acontecer, levando em consideração o trabalho realizado na semana.

– Eu tenho um pensamento, que a gente não consegue as coisas de qualquer maneira. A gente precisa entender que o jogo está pedindo, ter uma leitura, pois sabemos que vamos sofrer uma pressão por estar jogando fora de casa, mas é procurar explorar os pontos fracos do UDA para que possamos se sobressair, neutralizar os pontos fortes, porque elas têm um ataque forte e de qualidade, com atletas altas de bola parada, enfim, é neutralizar essas questões e colocar em prática o que treinamos – comentou ao SPORTS MANAUS.

Após a derrota na estreia, Elivelton afirmou que o conseguiu assimilar o resultado e agora tem seu foco total de conquistar um bom resultado fora de casa, apesar do jogo difícil pela frente.

– É levantar a cabeça, corrigir os erros, ver o que a gente errou, já pensando na próxima partida fora de casa. O adversário tem qualidade, mostrou isso no primeiro jogo fora de casa, onde conquistou uma bela vitória. A gente sabe que dentro de seus domínios vão partir para cima – alertou, mas ainda frisou.

– Cabe a nós ter bastante paciência, ter postura e ter uma atitude de chegar lá e buscar um bom resultado, pois é isso que nos interessa. É uma competição curta, não podemos perder pontos, principalmente em casa, vamos tentar fazer um bom jogo e buscar esses pontos fora, mas claro respeitando a equipe do UDA. A gente trabalhou na semana focado na vitória – concluiu Erivelton.

 

 

 

Outras postagens...

Com empates em casa, técnico do São Raimundo-RR diz sobre o Penarol: “Chegou a hora de vencer”

Paulo Rogério

Iranduba bate o Nacional e vence após três anos de jejum pelo estadual

Paulo Rogério

Presidente do Brusque-SC explica contratação de Hamilton e nega interesse em Rossini

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...