SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Em jogo com o Avaí-SC pela Copa do Brasil, técnico do Nacional afirma: “A nossa meta é sair com a vitória”

Foto: Milly Barreto

Com objetivo de vencer um adversário de qualidade e dentro de seus domínios, o Nacional encara o Avaí-SC fora de casa, pela Copa do Brasil sub-20, nesta quarta-feira, 7/10, às 14h (15h de Brasília), no Estádio da Ressacada, em Florianópolis. Em jogo único, as duas equipes vão lutar pela vaga na próxima fase da competição, mas somente o vencedor vai avançar. O empate por qualquer placar leva a definição do classificado para a cobrança de pênaltis.

Com um elenco acostumado a jogos decisivos e acreditando no potencial de seus jogadores, o técnico do Naça, José Ribamar, disse que acredita na classificação, mas afirmou que não será nada fácil.

– A nossa ideia aqui é sair com uma vitória. A gente espera no decorrer dos 90 minutos fazer o placar e sair com o resultado. Entretanto, temos que ter cuidado com a ansiedade. Essa vontade de vencer pode fazer com que a gente abra demais o time e leve gol. É um jogo de cautela, que precisamos estudar o adversário, saber como vamos enfrentar da melhor maneira e como usar a estratégia para sair com a classificação. Nossa equipe está bem treinada e tem total condição de sair com a vitória – comentou ao SPORTS MANAUS.  

Para conseguir a classificação, Ribamar trabalhou apenas em campo a parte técnica e tática, mas também outros fatores importantes com os jogadores para superar o desafio de sair de Manaus e voltar com a classificação.

– A gente trabalha muito a parte psicológica desses garotos. Nós sabemos que eles estão com muita vontade de vencer, mas trabalhamos bastante a cabeça dos jogadores. Ainda teremos uma conversa orientando sobre a ansiedade da partida, mas para eles tenham prudência, paciência e façam uma boa partida. A gente tem trabalhando muito isso, mas sabemos que não é fácil – disse, mas acrescentou.

– A nossa equipe é experiente, mesmo com a idade é um elenco com alguns garotos, que já enfrentaram situações difíceis. Será durante o jogo que vai fazer com que eles baixem mais a ansiedade e procure mais um resultado positivo, mas com cautela e estratégia. É difícil jogar contra uma equipe grande como o Avaí, onde não conhecemos, mas também somos desconhecidos para eles – completou o comandante do Leão da Vila Municipal.

 

Outras postagens...

Com apenas 11 dias de pré-temporada, Fast Clube vence Nacional em jogo-treino

Paulo Rogério

Fitness | How To Start (Or Get Back Into) Running

Paulo Rogério

Budapest’s Margaret Island, A Green Haven in Hungary’s Capital

Paulo Rogério

Leave a Comment

العربية简体中文EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañol