SportsManaus
FUTEBOL AMAZONENSE

Presidente do Manaus afirma contato com três técnicos, mas apenas um vai responder nesta terça-feira

Presidente do Manaus aguarda a resposta de apenas um treinador, que ficou interessado na proposta, mas dentro das condinções financeiras do clube 

Foto: Divulgação / Manaus 

Após a conquista do quarto título estadual, em uma final eletrizante com o São Raimundo, no final de semana, o técnico Luizinho Lopes e toda comissão técnica, pediram o desligamento do Manaus, na tarde desta segunda-feira, 24/5. Sem muito tempo, o Gavião do Norte corre contra o tempo para encontrar o novo substituto. A equipe estreia com o Santa Cruz, pelo Campeonato Brasileiro da Série C, neste domingo, 30/5, às 18h (19h de Brasília), na Arena da Amazônia. O Manaus está no grupo A, junto com Altos-PI, Botafogo-PB, Ferroviário-CE, Floresta-CE, Jacuipense-BA, Paysandu-PA, Tombense-MG e Volta Redonda-RJ. 

O presidente do Manaus, Luís Mitoso, afirmou ao SPORTS MANAUS, que a diretoria manteve contato com alguns profissionais, mas apenas um ficou interessado. Segundo o dirigente, o futuro comandante do Gavião ficou de retornar nesta terça-feira, 25/5.

– A gente conversou com três técnicos, mas a gente tem apalavrado apenas um, ou seja, o sentimento da diretoria é fechar. Ele ficou de dar uma resposta amanhã (terça) logo cedo. O treinador ficou de conversar com a família, se aconselhar e dar uma resposta. Se tudo der certo, ele deve se apresentar de terça para quarta para começar o trabalho – explicou o dirigente do Gavião, mas ainda afirmou.

– É um treinador experiente, que passou por grandes clubes da Série D e C. Ele tem uma vasta experiência por times grandes e de camisa. A gente está conversando, se der certo, com certeza, vai gerar uma grande expectativa para nós, para a torcida e esperamos que se concretize, mas dentro da nossa possibilidade financeira – salientou. 

Admitindo que foi surpreendido com a decisão de Luizinho Lopes e da comissão técnica, o presidente do Manaus, não teve outra alternativa de providenciar o mais rápido possível um substituto para a estreia na Série C.

– O mercado da bola não tem treinador na prateleira para chegar e escolher. Tem gente que está trabalhando, e não consegue tirar. Fomos ao mercado e ver os treinadores que estão com opção, não digo desempregados, mas os que estão fora do mercado. A gente foi atrás, encontramos três nomes e tivemos muita conversa com eles. Tudo isso é uma questão também das nossas condições financeiras – alertou, mas afirmou que tem um plano “B” e “C”, caso não tenha um retorno negativo.

 

Outras postagens...

Pelo Campeonato Amazonense, Princesa passa pelo Iranduba com gol de Toró no final da partida

Paulo Rogério

Com uma atuação abaixo, Manaus empata mais uma vez em casa e não passa pelo Botafogo-PB na Série C

Paulo Rogério

De volta ao Clipper, Mazinho afirma sobre a montagem do time pelo presidente: “Não vejo um problema”

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...