SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

De férias em Santa Rosa-RS, técnico do Manaus trabalha a montagem do time e revela: “Já tem uma base”

Pela Série C deste ano, o treinador comandou o São Jose-RS no empate com o Manaus em 1 a 1, na Arena da Amazônia.

Após ser anunciado oficialmente pelo Manaus FC para a disputa do Campeonato Amazonense da Série A, Copa do Brasil e Brasileiro da Série C de 2023, o técnico Paulo Henrique Marques, 57, não perdeu tempo, e já trabalha com a diretoria do Gavião do Norte o planejamento para a próxima temporada. Recentemente o treinador comandou a no empate com o Manaus pela Série C este ano em 1 a 1, na Arena da Amazônia.

De férias na cidade de Santa Rosa, no interior do Rio Grande do Sul, o novo comandante do time Esmeraldino, afirmou que o elenco está sendo montado em conjunto com a diretoria do clube. Segundo ele, isso é importante para conseguir bons resultados ano que vem.

– A respeito do elenco, a gente está conversando, lógico não é só o desejo do treinador, mas tem que prevalecer da diretoria, com certeza. A palavra final é da direção e nós treinadores definimos o perfil dos jogadores que gostamos de trabalhar, isso mesmo antes de fazer o acerto. Aí se o clube concorda, o clube gosta que jogue nós vamos em busca de alguns nomes. Com certeza, é uma tomada de decisão conjunta. Estamos conversando, alinhando o plantel e já tem uma base. Até o final de semana alinhamos tudo – confessou ao SPORTS MANAUS,

Sobre o convite de vir para o futebol amazonense, Paulo Henrique disse que foi depois de uma conversa com seu empresário, na qual confessou o contato com alguém do clube. Além disso, o fato de saber que no futebol local tem outro gaúcho no comando do Amazonas e com bons resultados, foi um fator positivo no contexto geral.

LEIA MAIS:

– O Rafael Lacerda, já trabalhou comigo e o preparador físico também, onde ele foi meu preparador físico durante cinco a seis temporadas. São pessoas que a gente conhece, confia e sabe que são bons profissionais, tanto que trabalhei com os dois. Isso colaborou para trabalhar no Amazonas, e com gente conhecida por perto, pois fizeram um belo trabalho e conseguiram o acesso – disse, mas confessou que fazia parte de seus planos vir para o futebol Nortista.

– Com certeza, sair do Sul era um projeto meu como atleta e agora como treinador. Aqui no Sul já tive algumas chances de sair, mas preferi não, porém, não pela parte financeira. Eu sempre fui muito bem valorizado e permaneço as vezes sempre muito tempo nos lugares. Mas era uma ideia sair, expandir e principalmente pela Série C que já tive duas participações. É um campeonato muito legal de se fazer. Por exemplo, o último agora no São José brigamos até o final por uma classificação – explicou Paulo Henrique.

 

 

 

 

 

Outras postagens...

Penarol vence São Raimundo e assume a liderança do segundo turno do Amazonense

Paulo Rogério

Sobre o Porto International Cup, gerente da Amazon Personal Tour reúne pais da equipe sub-18 do Nacional

Paulo Rogério

De virada, Rio Negro vence Sul América na luta contra o rebaixamento no Campeonato Amazonense

Paulo Rogério

Leave a Comment