SportsManaus
COPA DO BRASILFUTEBOLFUTEBOL NACIONAL

Pela Copa do Brasil Sub-20, técnico do Cruzeiro avisa sobre o jogo com Ceará: “A equipe tem total condição de reverter”

A garotada da Raposa sofreu um revés em casa por 2 a 1, no Estádio das Alterosas, em Belo Horizonte.

Foto: Gustavo Aleixo / Cruzeiro

Depois de perder em casa no primeiro jogo das quartas de final, pela Copa do Brasil Sub-20, o Cruzeiro está preparado para reverter a vantagem e consolidar sua vaga na próxima fase. Nesse sentido, a garotada da Raposa encara o Ceará, no jogo de volta, nesta segunda-feira, 24/10, às 15h (de Brasília), na Cidade Vozão, em Itaitinga, no Ceará. No primeiro jogo em casa, o Cruzeiro perdeu por 2 a 1, no Estádio das Alterosas, em Belo Horizonte.

Com o resultado negativo, o técnico Fernando Seabra, aposta no trabalho realizado na semana e no potencial do grupo para suplantar quaisquer dificuldades.

– A equipe tem total condição de reverter, está consciente disso, sabe das dificuldades que vai enfrentar jogando contra o Ceará fora, pela equipe, pelas condições que são sempre mais difíceis pelo calor, umidade, por tudo isso. A equipe já mostrou resiliência, capacidade de se recuperar e uma mentalidade forte, enfim, qualquer que tivesse sido o resultado em nosso campo, caso tivesse vencido o jogo, nós iríamos buscar a vitória – explicou ao SPORTS MANAUS, mas ainda frisou.

– Não muda muito, a gente precisa de um gol para vencer o jogo e ter a disputa de penalidades. Claro, se a gente conseguir esse gol vamos buscar a vitória no tempo normal. Sabemos das dificuldades, da qualidade do adversário, mas acreditamos que temos condições e vamos buscar a classificação para a próxima fase – afirmou o treinador.

De acordo com o comandante da garotada da Raposa, um resultado negativo deixa suas lições. Para ele, o elenco estudou muito bem seu adversário, mas principalmente os momentos cruciais na partida anterior para não cometer os mesmos erros no confronto decisivo.

LEIA MAIS:

– As principais lições ficam em torno da gente manter nosso nível de atenção o tempo todo para fazer os ajustes defensivos necessários para pressionar, fazer as descidas de blocos e defender a nossa área, e em especial nas bolas paradas. A gente sofreu os gols, mas tivemos outras situações de perigo por desatenção, e principalmente nas alternâncias que o jogo envolve – disse, mas ainda completou.

– O Ceará sabe ser competente em todas as fases do jogo. Nos momentos em que a gente tiver superioridade, tiver oportunidade, a gente tem que ser eficaz e aproveitar melhor as nossas chances, já que a gente também desperdiçou chances consideráveis no jogo passado – concluiu Fernando.

 

 

Outras postagens...

Na estreia da Série C em casa, técnico do Brusque-SC, já conhece o futebol amazonense e afirma: “Nós temos que tirar proveito”

Paulo Rogério

Dirigentes de Librade e RB do Norte comemoram reunião com prefeito David Almeida sobre ajuda para à Série B do Amazonense

Paulo Rogério

Pelo returno no grupo A1 na Série D, técnico do São Raimundo-RR avisa sobre o Amazonas: “Vamos buscar a vitória do início ao fim”

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...