SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL NACIONALSÉRIE A

São Paulo tem 2 gols anulados, mas vence Coritiba e se afasta da zona de rebaixamento

Da redação do Sports Manaus, com informações da GAZETA ESPORTIVA – Marcelo Baseggio – São Paulo, SP – 27/09/23 | 21:07 – 27/09/23 | 21:59

Foto: Rubens Chiri / saopaulofc

O São Paulo, enfim, voltou a vencer no Campeonato Brasileiro após oito partidas. Nesta quarta-feira o time comandado por Dorival Júnior recebeu o Coritiba, no Morumbi, em duelo atrasado válido pela 22ª rodada da competição, o primeiro após o título inédito da Copa do Brasil, e saiu de campo com o triunfo por 2 a 1. Alan Franco e Luciano, de pênalti, balançaram as redes para o Tricolor. Slimani descontou para o Coxa.

Com o resultado, o São Paulo foi a 31 pontos, assumindo a décima colocação e ficando a seis tentos do primeiro integrante da zona de rebaixamento. Mesmo atuando com um time reserva após a conquista da Copa do Brasil, o Tricolor deu conta do recado e agora pode respirar mais aliviado.

O São Paulo volta a entrar em campo já no próximo sábado, quando terá pela frente o Corinthians, no Morumbi, às 18h30 (de Brasília). Já o Coritiba, lanterna da competição, encara o Athletico-PR, domingo, às 16h, no Couto Pereira.

São Paulo domina o 1ºT

O São Paulo dominou o primeiro tempo, praticamente não deixando o Coritiba jogar. Ao longo da etapa inicial o time comandado por Dorival Júnior teve diversas oportunidades para balançar as redes e chegou ao primeiro gol logo aos dois minutos com James Rodríguez, que recebeu dentro da área e bateu sem chances para o goleiro, mas o árbitro marcou impedimento de Nathan no lance.

Um pouco depois, porém, não teve jeito. Aos 30 minutos James Rodríguez cobrou falta venenosa, Gabriel espalmou e no rebote Alan Franco completou para o fundo das redes. Inicialmente a arbitragem marcou impedimento mais uma vez, mas, após revisão do VAR, o gol foi validado.

Só que o Coritiba acabou empatando já nos acréscimos. Gabriel Neves vacilou na saída de bola, e Islam Slimani, cara a cara com Jandrei, precisou apenas completar para o fundo do gol e deixar tudo igual no placar.

Mas, o São Paulo ainda teve tempo para recuperar a vantagem antes do intervalo. Aos 53 minutos o árbitro, após revisão do VAR, deu pênalti a favor dos donos da casa por causa de um toque de mão de Victor Luis em cruzamento de Nathan. Luciano foi para a cobrança e não desperdiçou, recolocando o Tricolor à frente no placar.

Tricolor administra vantagem

O São Paulo voltou para o segundo tempo sem substituições, mas ciente da importância de ampliar sua vantagem no marcador para encaminhar a vitória. No início da etapa complementar, Juan teve duas boas chances de estufar as redes. Na primeira, após cruzamento de Welington, ele cabeceou firme, mas Gabriel fez a defesa sem dar rebote. Mais tarde, depois de um chute do lateral esquerdo são-paulino que desviou na zaga, o atacante ganhou do goleiro rival de cabeça e só não marcou porque Maurício Antônio apareceu na hora “h” para afastar.

Com as entradas de Lucas, Rodrigo Nestor e Alisson, o São Paulo conseguiu sufocar o Coritiba e afastar o adversário de sua área. Posteriormente, Calleri e Pablo Maia também foram acionados por Dorival Júnior. Ou seja, na reta final da partida o Tricolor passou a atuar com cinco de seus titulares.

Mas, nem mesmo com “sangue novo” o São Paulo conseguiu ir às redes mais uma vez, tendo de se conformar com a vitória por 2 a 1 sobre o Coritiba diante de mais de 30 mil torcedores que acompanharam a equipe no Morumbi mesmo debaixo da forte chuva que pairou sobre a capital paulista nesta quarta-feira.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2 X 1 CORITIBA

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo
Data: 27 de setembro de 2023, quarta-feira
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (FIFA-DF)
Assistentes: Leila Moreira da Cruz (FIFA-DF) e Lehi Sousa Silva (DF)
VAR: Igor Benevenuto de Oliveira (VAR FIFA-MG)

Público: 31.720 torcedores
Renda: R$ 1.502.081,00

Gols: Alan Franco, aos 30 do 1ºT, Luciano, aos 54 do 1ºT (São Paulo); Slimani, aos 50 do 1ºT (Coritiba)
Cartões amarelos:
 Robson, Victor Luis, Henrique (Coritiba); Luan, Calleri (São Paulo)

SÃO PAULO: Jandrei; Nathan, Diego Costa, Alan Franco e Welington; Luan (Alisson), Gabriel Neves (Pablo Maia), James Rodríguez (Lucas) e Michel Araújo; Juan (Calleri) e Luciano (Nestor).
Técnico: Dorival Jr.

CORITIBA: Gabriel; Hayner (Natanael), Maurício Antonio, Henrique e Victor Luis; Willian Farias, Andreas Samaris (Matheus Bianqui) e Sabastian Gómez (Kaio); Marcelino Moreno, Robson (Diogo Oliveira) e Islam Slimani (Edu).
Técnico: Thiago Kosloski.

 

 

 

 

Outras postagens...

Adversário do Manauara na Copa Verde, técnico do Tocantinópolis aposta no trabalho bem planejado nas quatro competições de 2024

Paulo Rogério

“Carta Branca”, afirma novo técnico do Fast Clube sobre a montagem do elenco para 2022

Paulo Rogério

Corinthians toma dois contra-ataques letais e perde do Remo em estreia na Copa do Brasil

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...