SportsManaus
FUTEBOLFUTEBOL AMAZONENSE

Uma das novidades do Nacional FC, o volante Juan revela: “Vamos em busca do título, que é o principal objetivo do clube e da torcida”

O jogador veio do Masfut Club, equipe da segunda divisão dos Emirados Árabes Unidos.

Foto: Débora Melo / Nacional

Uma das novidades do novo elenco do Nacional FC para o Campeonato Amazonense da Série A e do Brasileiro da Série D na próxima temporada, é o jovem volante Juan, de 21 anos. Revelado na base do Sport Recife, o jogador, que veio do Masfut Club, da segunda divisão dos Emirados Árabes Unidos, chega com uma grande promessa, mas principalmente o desejo de vencer no futebol amazonense. Pelo estadual, o Naça estreia diante do Rio Negro, no tradicional clássico Rio-Nal, no dia 28 de janeiro, às 15h (16h de Brasília), em local a ser definido ainda pela FAF.

Ciente da cobrança de jogar em uma equipe tradicional, mas principalmente que anseia por conquistas, Juan, afirmou que já está acostumado com esse cenário e não vê nenhum problema, mesmo sendo ainda muito jovem na carreira.

– Meus últimos clubes tinham grandes torcidas também, e existia uma pressão em busca do título. Falo do Santa Cruz e do Treze-PB. Aqui também não vai ser diferente, sei que é a maior torcida, um time centenário e que tem mais títulos do estado. A gente tem de colocar a equipe onde deve estar. Vamos em busca do título, que é o principal objetivo do clube e da torcida – comentou ao SPORTS MANAUS, mas ainda reforçou.

– Não considero como pressão para nós, com relação a isso. A pressão maior é sobre a questão de muito tempo sem ganhar um título, mas isso não é pressão para nós, porque temos jogadores experientes, que já passaram por isso, por essas dificuldades e superaram. Creio que com o trabalho e a dedicação vamos chegar ao mais alto nível na competição – justificou.

De acordo com o volante, o fato de o Naça iniciar sua preparação antes dos outros adversários é bom, porque ele já sabe que o campeonato deve ser muito difícil, ainda mais quando se tem dois clubes, que vão disputar o Brasileiro da Série C ano que vem.

– Sim, tem dois adversários, sendo um que subiu agora e o outro, que já está se mantendo na Série C, e são times difíceis. Com certeza, vamos estar preparados para bater de frente, por isso a preparação está sendo um pouco mais longa para que todos cheguem bem no campeonato para igualar. Acredito pela grandeza do Nacional, vamos chegar longe – salientou Juan.

LEIA MAIS:

Dados

Juan Batista Lopes da Silva, atua como volante e é conhecido como Juan. Natural de Recife, o jogador foi revelado na base do Sport Recife, depois foi para o Athletico-PR e Figueirense-SC. De lá saiu para a base do Santa Cruz, onde se profissionalizou, indo depois para o Treze-PB, onde disputou o Campeonato Paraibano e o Brasileiro da Série D, mas não ficou muito tempo, sendo depois vendido para o Masfut Club, da segunda divisão dos Emirados Árabes Unidos. Na base, Juan foi campeão estadual pelo Athlético-PR na base pelo Sub-16 e Sub-17.

 

Outras postagens...

Com hat-trick de Jones, Nacional massacra Iranduba por 7 a 0 pelo Campeonato Amazonense

Paulo Rogério

Eliminado na Copa do Brasil, técnico do Tocantinópolis-TO pega o Manauara na Copa Verde e alerta: “Sabemos que vai ser um jogo muito difícil”

Paulo Rogério

Preocupado com a Covid-19, presidente do Princesa desiste e sugere a não realização do estadual 2020

Paulo Rogério

Leave a Comment

Este site usa cookies. Isto é necessário para que sua navegação seja mais eficiente. Não coletamos nenhum dado pessoal do seu navegador. Entendi! Leia mais...